Quem é Amanda Gorman, a jovem poetisa que declamou na posse de Biden

O poema declamado na posse de Biden e intitulado "The Hill We Climb" (a colina que escalamos), foi escrito na noite do dia 6 de janeiro de 2021, o mesmo dia em que o Capitólio foi invadido

0
729
Amanda Gorman de 22 anos é a mais jovem dos poetas que já declamaram em uma posse presidencial (foto: Twitter)
Amanda Gorman de 22 anos é a mais jovem dos poetas que já declamaram em uma posse presidencial (foto: Twitter)

A presença de um poeta na cerimônia de posse presidencial não é obrigatória, mas é uma prática comum entre os Democratas. Tanto Barack Obama quanto Bill Clinton tiveram declamações em suas posses.

A escolhida para a posse de Biden foi Amanda Gorman, que em 2017 venceu o National Youth Poet Laureate, um prêmio para jovens poetas criado pela Biblioteca do Congresso.

Ao jornal The Wall Street Journal, Gorman disse que terminou de escrever o poema intitulado “The Hill We Climb” (a colina que escalamos), na noite do dia 6 de janeiro, dia em que o Capitólio foi invadido por apoiadores de Trump. “Usei aquilo como lembrete de que precisamos de sentido e espírito para nos ajudar a dar sentido às coisas.”

Gorman, tem 22 anos é moradora de Los Angeles e se tornou a poeta mais jovem a declamar na posse de um presidente.

Pouco antes de comparecer à cerimônia, Gorman postou uma curta parte do poema nas redes sociais, em que diz:

Vimos uma força que destruiria nossa nação em vez
de compartilhá-la.

Destruiria nosso país se isso significasse
atrasar a democracia.

E esse esforço quase teve sucesso.

Mas embora a democracia possa ser periodicamente
adiada.

Nunca pode ser permanentemente derrotada.

Nesta verdade, nesta fé nós confiamos.

Por enquanto temos nossos olhos no futuro.

A história tem seus olhos em nós.