Raro em Novembro, Nicole desembarca na Flórida como furacão de intensidade 1

Mais de 230 mil casas e empresas no centro da Flórida ficaram sem energia na manhã desta quinta-feira (10)

0
347
Nicole atinge a Flórida como furacão de intensidade 1. Foto: Reprodução New York Times

Mais de 230 mil casas e empresas no centro da Flórida ficaram sem energia na manhã desta quinta-feira (10), quando o furacão Nicole, rebaixado para uma tempestade tropical, mas ainda grande e perigoso, atingiu a região com ventos fortes e tempestade.

Os furacões de novembro são raros na Flórida. Desde que a manutenção de registros começou em 1853, o estado do sol foi atingido por apenas dois: em 1935 e 1985.

Este ano, Nicole atingiu o sul de Vero Beach na madrugada de quinta-feira como um furacão de categoria 1 e foi centrado a cerca de 30 milhas a sudoeste de Orlando às 7am.

“Esta é uma situação de alto risco”, escreveu Jack Beven, especialista sênior em furacões do National Hurricane Center, em um comunicado. As pessoas na região, disse ele, “devem tomar todas as medidas necessárias para proteger a vida e a propriedade do aumento das águas e do potencial de outras condições perigosas”.

Nicole agora tem ventos de 60mph e estava centrado a cerca de 30 milhas a sudoeste de Orlando por volta das 7am, segundo. Seu campo de vento é enorme – ventos com força de tempestade tropical se estendem até 450 milhas, dizem os meteorologistas.

Quanto ao nível da maré, a inundação em terra mediu cerca de 5.8 pés em Port Canaveral, por volta das 4am. Os ventos de pico coincidiram com a maré baixa na região, que aconteceu por volta das 2:30am, e isso limitou o aumento das inundações.

Embora os ventos tenham diminuído e a maré baixado para cerca de 3 pés, espera-se que os níveis de água na costa do estado permaneçam altos por um tempo por causa da maré alta, que deve iniciar as 8am desta quinta-feira.