Royal Caribbean cancela cruzeiro após tripulação testar positivo para a covid-19

Embarcação estava programada para zarpar do porto de Fort Lauderdale, FL, em 3 de julho; tripulantes contaminados tinham tomado as primeiras doses da vacina

0
1028
Odyssey of the Seas (foto: Royal Caribbean)

O navio de cruzeiro Odyssey of the Seas, da companhia Royal Caribbean International, adiou a sua viagem inaugural “pós-pandemia”, depois que oito membros da tripulação testaram positivo para a covid-19.

O cruzeiro estava marcado para zarpar do porto de Fort Lauderdale, FL, no próximo dia 3 de julho. Em comunicado, a empresa disse que a viagem foi reprogramada para o dia 31 de julho.

A simulação de um cruzeiro teste, agendada pelos Centers for Disease Control (CDC), para assegurar o cumprimento de todas as medidas de segurança sanitária, que ia acontecer no dia 26 deste mês, também foi cancelada.

Pelo Facebook, o presidente e CEO da Royal Caribbean, Michael Bayley, comentou o assunto: “Dois passos para frente e um passo para trás!” escreveu Bayley na terça à noite. “Por precaução, estamos adiando a primeira viagem do Odyssey.

Segundo ele explicou, todos os 1.400 tripulantes a bordo da embarcação haviam tomado as primeiras doses da vacina, mas alguns ainda estão aguardando pela segunda dose. 

Os casos positivos foram identificados entre os funcionários não totalmente imunizados, de acordo com o CEO. Ele garantiu que todos eles estariam 100% vacinados e testados até a data agendada para a viagem do Odyssey of the Seas.

A equipe inteira foi colocada em quarentena e está recebendo acompanhamento médico.

A companhia afirmou que os turistas que compraram pacote estão sendo contactados por telefone sobre a mudança na data da viagem.