Russa vende filho recém-nascido para fazer plástica no nariz 

Mulher de 33 anos negociou bebê de cinco dias com ajuda de vizinha

0
472
Caso bizarro aconteceu no final de abril (Foto: Wikimedia Commons)
Caso bizarro aconteceu no final de abril (Foto: Wikimedia Commons)

Uma russa de 33 anos foi presa sob acusação de vender o próprio filho recém-nascido para pagar uma cirurgia plástica no nariz. Segundo informações, ela seria moradora de Kaspiysk, no Daguestão, e teria negociado o bebê de apenas cinco dias de vida por 300 mil rublos (aproximadamente $ 5 mil). O caso teria acontecido no final de abril.

De acordo com um jornal local, a suspeita, que não teve o nome divulgado, contou com a ajuda de uma vizinha para conseguir um casal interessado em ficar com a criança. A mulher recebeu 200 mil rublos ($ 5 mil) ao entregar a criança e ainda cobrou mais 100 mil rublos ($ 2.5 mil) para entregar a certidão de nascimento, depois que o bebê ficou doente e precisou de atendimento médico.