Stevie Wonder vai passar por transplante de rim em setembro

Autor de hits como "I Just Call to Say I Love You" tem 69 anos

0
1986

O lendário cantor e compositor Stevie Wonder anunciou durante um show em Londres no dia 6 de julho que passará por uma cirurgia nos rins.

O anúncio veio poucos dias depois que o jornal Detroit Free Press noticiou que o cantor “está lutando contra um sério problema de saúde, mas controlável” e que um médico o acompanhava na turnê pelo Exterior.

Stevie é um dos maiores músicos contemporâneos. Iniciou a carreira muito cedo. Assinou contrato com a Tamla Records, selo da Motown Records, aos onze anos e continua com a mesma até hoje.

Gravou mais de trinta sucessos que ficaram entre os o top ten das rádios e ganhou vinte e cinco Grammy Awards, o maior número de Grammys por um artista masculino da história.

O anúncio sobre o transplante de rim aconteceu durante um concerto no Hyde Park, em Londres.

Embora ele não tenha oferecido mais informações sobre sua condição, a doença renal crônica e a insuficiência renal estão entre as principais razões para precisar de um transplante renal. O cantor disse que faria uma pausa nas turnês devido à cirurgia, já que passará por esse transplante de rim em setembro.

“O que vai acontecer é isso, eu vou fazer uma cirurgia, vou fazer um transplante de rim em setembro deste ano. Estou bem, estou bem, estou bem. Eu tenho um doador, está tudo bem”. Eu quero que você saiba que eu vim aqui para dar-lhe meu amor e agradecer por seu amor. Você não tem que ouvir rumores sobre nada, eu disse o que está acontecendo. Eu estou bem – disse Stevie à plateia.

Embora ele tenha recebido muita atenção da mídia, sua condição é bem comum, disse o nefrologista David Klassen, diretor médico da Rede Unida para Compartilhamento de Órgãos (UNOS). “Atualmente, a cirurgia de transplante renal é bastante rotineira e direta”, disse Klassen. “Não é considerado de alto risco, e os pacientes podem deixar o hospital em apenas dois dias”.

Mais de 21 mil americanos receberam transplantes renais no ano passado, incluindo 3.857 pacientes com mais de 50 anos, segundo a UNOS. Mais de 100 mil pessoas nos EUA estão na lista de espera por um rim.