Sucesso em SP dos anos 80, Banda Tonelada lança seu primeiro álbum com músicas e integrantes da época

Com shows lotados em casas como Madame Satã, Aeroanta e Lira Paulistana na década de 80, banda paulista retorna para único show no Bourbon Street

0
2262
Banda Tonelada lança novo disco
Banda Tonelada lança novo disco

Representante do circuito universitário do rock da década de 1980 em São Paulo, a banda de rock ‘Tonelada’ vai lançar seu primeiro álbum com 12 músicas originais no próximo dia 29 de agosto na capital paulista. A banda foi formada no início da década de 80 por adolescentes que moravam no mesmo bairro e estudavam na mesma escola. Na época, a banda lotava os shows em famosas casas de São Paulo, como Madame Satã, Aeroanta e Lira Paulistana. Foram exatos 10 anos em que a banda de amigos esteve na ativa e agora resolveram se reunir.

Tonelada ofereceu vozes, guitarras, metais, teclados, baixo e bateria a serviço do pop rock. Às vezes só engraçada, às vezes irônica, a música da banda já abordava temas que são atualíssimos, como preconceito, empoderamento feminino, desmatamento, fisiologismo político. Estava tudo lá, escrito e tocado por garotos – e uma garota – que mal haviam entrado na casa dos 20 anos de idade.

Com o fim da banda, alguns dos ex-componentes seguiram o caminho da música, acompanhando Zeca Baleiro, The Central Scrutinizer Band, Let’s Zappalin’, Ritchie, Karnak, Skank, Funk Como Le Gusta, Charlie Brown Jr., Fagner, Titãs, Alejandro Sanz, Ana Carolina, Belchior, Zélia Duncan, Cássia Eller, etc. Outros seguiram por outros caminhos profissionais, alguns mudaram de país, como Jarbas Beznos, morador de Boca Raton, que é guitarrista da banda. “A banda Tonelada foi uma parte muito importante da nossa juventude e é um prazer estar de volta. Esse disco está bem bacana e pode ser baixado nas plataformas digitais”, disse Jarbas.

Para o lançamento do CD homônimo, o Tonelada conseguiu reunir boa parte dos 14 membros que passaram pela banda de 1980 até 1990. No repertório, as 12 faixas do disco: “Pança”, “Grande”, “Lunática”, “México lindo”, do Joelho de Porco, entre outras. Quem quiser, pode baixar o disco no Spotify e Itunes.