Local

Funcionáráio de funerária em Pensacola é achado morto após acusação de abuso sexual de cadáver

Outro trabalhador da casa funerária teria flagrado a infração e ligado para a polícia; agentes agora tentam descobrir se outros corpos foram violados

Incidente foi relatado na Oak Lawn Funeral Home (foto: WEAR-TV screen shot)
Incidente foi relatado na Oak Lawn Funeral Home (foto: WEAR-TV screen shot)

Um funcionário de uma casa funerária em Pensacola, na Flórida, foi encontrado morto na manhã desta terça-feira (17), após ser acusado de violar sexualmente um cadáver. A informação é do canal de notícias local WEAR-TV. 

A polícia foi alertada sobre o suposto abuso por outro trabalhador da Oak Lawn Funeral Home, que teria flagrado a infração. Segundo reportou a WEAR-TV, o acusado fugiu assim que os policiais chegaram para apurar a denúncia. Momentos depois, ele foi encontrado do lado de fora do seu veículo,  em uma área deserta a cerca de 10 minutos da funerária. O escritório do xerife disse que ele estava morto com um ferimento à bala que eles acreditam ter sido autoinfligido. 

Em comunicado, a Oak Lawn Funeral Home declarou: “Por respeito à privacidade e confidencialidade das famílias e de nossos associados, não estamos em posição de comentar este assunto. Continuaremos a cooperar totalmente com a investigação.” 

O nome do suspeito ainda não foi divulgado, nem o nome da pessoa falecida que foi abusada. A  polícia agora tenta descobrir se outros corpos foram violados pelo homem.

Baixe nosso aplicativo