Trump e Melania testam positivo para covid-19

Presidente e primeira-dama ficarão em quarentena na Casa Branca

0
654
Decisão do presidente foi mal recebida pela imprensa e pelos parlamentares (foto: wikimedia)
Decisão do presidente foi mal recebida pela imprensa e pelos parlamentares (foto: wikimedia)

O presidente Donald Trump anunciou pelo Twitter na manhã desta sexta-feira (2) que ele e a primeira-dama Melania Trump estão infectados com o coronavírus, de acordo com testes realizados depois que uma assessora da Casa Branca, Hope Hicks, havia testado positivo.

“Hoje, @FLOTUS e eu testamos positivo para covid-19. Começaremos nossa quarentena e o processo de recuperação imediatamente. Vamos superar isso JUNTOS!”, escreveu o presidente.

A Casa Branca ainda não se pronunciou sobre os pedidos feitos pela imprensa para revelar o número total de pessoas que fazem parte do círculo próximo do presidente que estão infectadas A assessoria do vice-presidente Mike Pence também ainda não se manifestou sobre o assunto.

O médico de Trump, Sean Conley, disse em nota que “o presidente e a primeira-dama estão bem no momento, e planejam ficar na Casa Branca durante o período de convalescença”.

Durante o debate no começo desta semana contra seu oponente, Joe Biden, na corrida pela presidência nas eleições deste ano, Trump e sua equipe não usaram máscara. Embora Biden e sua equipe tenham usado máscara o tempo todo, o candidato Democrata esteve no palco sem máscara durante o debate com o presidente. Os dois não apertaram mãos, entretanto.

No debate, Trump zombou de Biden pelo uso de máscara: “Toda vez que você o vê, ele está de máscara. Mesmo falando a 200 pés de distância. E ele aparece com a maior máscara que eu já vi”.

Faltando 32 dias para as eleições presidenciais de novembro, Trump não poderá atender a vários compromissos de campanha marcados para os próximos dias, inclusive um novo debate com Biden, previsto para o dia 15 de outubro. A campanha de Biden ainda não se manifestou sobre o assunto.

Os números mais recentes mostram 7 milhões de casos de coronavírus nos EUA, com 208 mil mortos pela doença.