Trump planeja acabar com o direito à cidadania para filhos de imigrantes nascidos nos EUA

A ordem-executiva que elimina o direito à cidadania aos filhos de imigrantes nascidos nos EUA seria assinada no apagar das luzes do governo Republicano

0
2775
O direito à cidadania americana a bebês nascidos nos Estados Unidos é garantido pela Constituição (foto: pixabay)
O direito à cidadania americana a bebês nascidos nos Estados Unidos é garantido pela Constituição (foto: pixabay)


O direito à cidadania americana a bebês nascidos nos Estados Unidos é garantido pela Constituição, mas o presidente Trump, nos últimos quatro anos, demonstrou interesse em acabar com o que ele chama de indústria dos “bebês âncora”. 


Fontes ligadas à Casa Branca disseram ao jornal The Hill que antes de encerrar seu mandato, Donald Trump planeja assinar uma ordem-executiva para acabar com esse direito para filhos de imigrantes.


“Somos um dos únicos países do mundo onde uma pessoa entra, tem um bebê e ele é essencialmente um cidadão dos Estados Unidos por 85 anos, com todos os benefícios. Isto é ridículo e tem que acabar”, afirmou Trump em entrevista em 2018 sobre o assunto.


O governo está ciente de que a ordem será imediatamente contestada na Justiça , mas as autoridades esperam obter uma decisão sobre se a cidadania por nascimento está de fato protegida pela 14ª Emenda, de acordo com uma fonte familiarizada com os planos.

“Muitos legisladores e especialistas argumentaram que ela é protegida, mas os tribunais não se pronunciaram definitivamente sobre o assunto”, diz a reportagem.