Vencedor de três Oscars, Daniel Day-Lewis anuncia aposentadoria

Aos 60 anos, o artista já atuou em 24 filmes e venceu três vezes a categoria de Melhor Ator

0
3439
Daniel Day-Lewis
Daniel Day-Lewis

Daniel Day-Lewis, vencedor de três Oscars de Melhor Ator, decidiu parar de atuar, segundo a revista americana Variety. O agente do ator, Leslee Dart, disse que “a decisão é particular” e que o ator e seus representantes “não vão mais falar sobre o assunto”.

“Daniel Day-Lewis não vai mais trabalhar como ator. Ele é imensamente grato a seus colaboradores e espectadores por tantos anos”, declarou Dart. Com 60 anos de idade e 41 de carreira, Day-Lewis teve sua estreia no cinema com Domingo Maldito (1971), ainda criança e com uma pequena aparição.

Depois de sumir das telas para se dedicar ao teatro, o ator voltou ao cinema nos anos 1980 para estrelar longa-metragens como Minha Adorável Lavanderia (1985) e A Insustentável Leveza do Ser (1988). No fim daquela década, ganhou sua primeira estatueta dourada do Oscar por Meu Pé e Esquerdo (1989).

Em sua carreira, Daniel atuou em 24 filmes e se consolidou como astro de Hollywood. Sua segunda indicação ao Oscar veio com Em nome do pai (1993). Nos anos 2000, protagonizou e venceu mais um Oscar por Sangue Negro (2007), filme com roteiro baseado no livro Petróleo! (1927), do escritor Upton Sinclair.

Seu trabalho mais recente, e o último pelo qual ganhou a estatueta da academia, foi Lincoln (2013), dirigido por Steven Spielberg. No longa, Day-Lewis interpretou Abraham Lincoln, presidente vital para o desenrolar a Guerra da Secessão no país. O último filme de Day-Lewis será lançado em dezembro deste ano e se chama “Phantom Thread”. (Com informações do UAI).