Estados Unidos

Wells Fargo é condenado a pagar bilhões em indenização a seus clientes; confira os beneficiários

Mais de 16 milhões de pessoas, clientes do banco Wells Fargo entre 2011 a 2022, são elegíveis a indenização por taxas errôneas cobradas pela instituição financeira

Wells Fargo indeniza clientes por cobranças indevidas. Foto: Adobe

Mais de 16 milhões de pessoas, clientes do banco Wells Fargo entre 2011 a 2022, devem receber uma indenização financeira do banco o mais breve possível. Segundo reportagem da CNBC, a ação movida pelo Consumer Financial Protection Bureau (CFPB) obrigou o banco a fechar um acordo no valor de $3,7 bilhões para indenizar clientes sujeitos a taxas errôneas de cheque especial, pagamentos mal aplicados em hipotecas e empréstimos para automóveis. De acordo com o CFPB, um em cada três lares americanos foi cliente do Wells Fargo durante esse período.

Segundo o órgão de proteção ao consumidor, qualquer cliente com taxas cobradas indevidamente pode ser elegível para o pagamento de danos. Isso inclui qualquer pessoa que teve uma taxa “surpresa” debitada de sua conta, cheque especial ou saques em caixas eletrônicos, quando sua conta tinha fundos suficientes para cobrir a transação. Também inclui qualquer pessoa que tenha uma cobrança indevida aplicada à sua conta. Os clientes bancários podem receber até $100 por esse tipo de dano.

Esta disposição também se aplica àqueles com empréstimos para automóveis em que os pagamentos não foram aplicados corretamente, resultando em juros mais altos ou multas por atraso, bem como “reintegrações de posse indevidas”. Segundo a CFPB, os detentores de empréstimos para automóveis podem receber “pelo menos” $4 mil como parte do acordo.

A instituição financeira também foi punida por práticas ilícitas em hipotecas. Isso inclui clientes que foram cobrados indevidamente ou detentores de empréstimos que foram “injustamente rejeitados quando solicitaram modificações em seus empréstimos para evitar a execução de uma hipoteca”.

Como parte do acordo, a Wells Fargo é obrigada a notificar os clientes e agir rapidamente no pagamento. “Você não precisa realizar nenhuma ação para receber seu dinheiro. Alguns clientes já receberam seus pagamentos”, diz o CFPB. Clientes que acreditam ser elegíveis e ainda não receberam a notificação, o grupo aconselha a entrar em contato com o banco pelo telefone 844-484-5089, de segunda a sexta-feira, das 9am às 6pm, ou registrar uma reclamação no site consumerfinance.gov

Baixe nosso aplicativo