A dura (e doce) tarefa de escrever sobre esportes

0
280
Depois de acusar lateral corintiano de chamá-lo de macaco, Edenilson marcou os dois gols da vitória do Internacional (Foto: Ricardo Duarte/Internacional)
Depois de acusar lateral corintiano de chamá-lo de macaco, Edenilson marcou os dois gols da vitória do Internacional (Foto: Ricardo Duarte/Internacional)

Escrever sobre esportes é prazeroso para mim. No entanto, ao mesmo tempo, é uma experiência decepcionante. Porque são tantos assuntos interessantes das mais variadas modalidades que fico frustrado por não poder incluir todos emu ma só coluna – sobretudo na página do jornal impresso, pois na Internet os números de caracteres são infinitos.

Como sempre, o destaque vai para o futebol brasileiro – paixão nacional que os imigrantes levam para outras pátrias quando imigram. Afinal como deixar de ser corintiano, flamenguista, palmeirense, santista, gremista, colorado, atleticano, cruzeirense ou torcedor de outros times que aprenderam a amar quando viviam nas mais diversas cidades do Brasil?

Mas também não podemos ignorar o processo de aculturação no qual os brasileiros e seus descendentes começam a se identificar com times e atletas dos países onde escolheram morar. Aqui nos EUA, por exemplo, torcer para uma equipe de basquete e de futebol americano tornou-se quase uma obrigação. Os mais fanáticos vibram até mesmo com os times de beisebol e de hóquei sobre o gelo. Viu só como fica difícil cobrir este universão tão vasto que inclui ainda torneios de tênis, vôlei e provas de automobilismo.

Após esse preâmbulo, destacaremos a participação dos clubes brasileiros nos torneios subcontinentais: Libertadores da América e Sudamericana na terça (17), quarta (18) e quinta (19) – em função dos horários das partidas, não podemos divulgar os resultados e fazer análises destes jogos.

Sinal de alerta no Massa Bruta

O Red Bull Bragantino foi derrotado por 1 a 0 pelo Estudiantes-ARG, na noite da terça-feira (17) pela quinta rodada da fase de grupos da Libertadores. O duelo foi disputado no estádio Nabi Abi Chedid, e Del Prete marcou o gol do time argentino no segundo tempo. Com esse resultado, o Bragantino fica ameaçado na segunda colocação do Grupo C.

Na sexta e última rodada da fase de grupos, o Bragantino visita o Nacional-URU na próxima terça-feira (24), no estádio Parque Central, no Uruguai, precisando vencer. No mesmo dia e horário, o Estudiantes encara o Vélez no estádio José Amalfitani.

No sufoco

O Corinthians sofreu, teve um jogador expulso no segundo tempo, tomou pressão até os acréscimos, mas segurou um importante empate por 1 a 1 com o Boca Juniors, na terça-feira (17), na Bombonera, pela quinta rodada do Grupo E da Copa Libertadores. Du Queiroz abriu o placar logo no início, Benedetto igualou na reta final do primeiro tempo, e o Timão agora só depende de uma vitória sobre o Always Ready, semana que vem, em casa, para se classificar às oitavas de final da competição. Num jogo que teve cara total de Libertadores, o Timão se envolveu em confusões, viu Cantillo e o técnico Vítor Pereira serem expulsos e Salvio perder um gol incrível para o Boca no fim. Aliviado, o Timão volta para o Brasil com um ponto fundamental na bagagem.

Antes de enfrentar o Always Ready, em Itaquera, o Corinthians tem clássico contra o São Paulo no domingo (22), também na Neo Química Arena, pela sétima rodada do Brasileirão.

Show de bola

Em um ambiente tenso, com muitas cobranças para time e diretoria e diante de mais de 40 mil pessoas no Maracanã, o Flamengo confirmou o favoritismo e venceu por 3 a 0 a Universidad Católica nesta terça-feira pelo Grupo H da Copa Libertadores. Arão, Everton Ribeiro e Pedro fizeram os gols da equipe comandada por Paulo Sousa, que garantiu a classificação para as oitavas de final e a primeira colocação na chave com uma rodada de antecedência.

Everton Ribeiro assinalou um dos gols do Flamengo sobre o time chileno (Foto: Gilcan Souza/CRF)
Everton Ribeiro assinalou um dos gols do Flamengo sobre o time chileno (Foto: Gilcan Souza/CRF)

Com 13 pontos em cinco jogos, o Flamengo faz uma campanha praticamente perfeita no Grupo H da Copa Libertadores. Classificado às oitavas de final, o time também tem a liderança garantida faltando ainda uma rodada – próximo jogo será contra o Sporting Cristal, na terça-feira, no Maracanã. 

O próximo compromisso do Flamengo será no sábado (21), pelo Campeonato Brasileiro. Também no Maracanã, o time recebe o Goiás. Na competição nacional o Rubro-Negro é o 16º colocado com seis pontos em seis jogos.

Furacão resurge

Alívio! O Athletico venceu o líder Libertad por 2 a 0 na noite da quarta-feira (18), na Arena da Baixada, pela quinta rodada da Libertadores. Cuello fez um golaço, e Canobbio ampliou, ambos no segundo tempo. Com a vitória, o Furacão passou da lanterna para a segunda colocação, com sete pontos, a mesma pontuação do time paraguaio, e depende apenas de si para avançar às oitavas de final.

A um jogo do fim da fase de grupos, o Libertad lidera com sete pontos. O Athletico vem em seguida com a mesma pontuação, mas saldo de gols menor (-3 x -1). The Strongest e Caracas estão logo atrás, ambos com seis pontos.

O Athletico volta a campo contra o Avaí no domingo (22) na Arena da Baixada, pela sétima rodada do Brasileirão. Na Libertadores, o Furacão recebe o Caracas na quinta-feira (26), na Arena da Baixada. 

Verdão 100%

O Palmeiras bateu o Emelec por 1 a 0 na noite desta quarta-feira, no Allianz Parque, manteve os 100% de aproveitamento e precisa de uma vitória na última rodada da fase de grupos para assegurar a melhor campanha geral da Libertadores – e ter a vantagem de decidir em casa no mata-mata. Danilo, no segundo tempo, fez o único gol da partida. Abel Ferreira mandou a campo uma equipe mista, deixando no banco titulares como Dudu, Raphael Veiga e Zé Rafael.

Com a vitória, o Palmeiras foi a 15 pontos, disparado na liderança do Grupo A. Na última rodada, só pode ser ultrapassado na classificação geral por Estudiantes (13 pontos), Flamengo (também 13) e River Plate (10, com dois jogos a disputar). O Verdão até pode ser alcançado pelos rivais, mas a diferença de saldo é muito grande: 19 a 4.

O Palmeiras volta a campo sábado (21), pelo Brasileirão. Visita o Juventude em Caxias do Sul. Pela Libertadores, o próximo compromisso é terça-feira (24), no Allianz Parque, contra o Deportivo Táchira.

Primeira vitória do Leão fora do Brasil na Libertadores

Com gols de Moisés e Pikachu, o Fortaleza venceu o Alianza Lima por 2 a 0, na noite da quarta-feira (18), no Peru, pela quinta rodada da Libertadores. Com o resultado, o Leão empata com o Colo Colo em pontos (sete), mas o clube chileno ainda enfrenta o líder River nesta quinta-feira (19). No primeiro jogo, o Fortaleza tinha vencido o Alianza Lima por 2 a 1.

O River tinha 10 pontos no Grupo F. O Colo Colo sete. O Fortaleza tem sete, em terceiro. O Alianza Lima tem um. Nesta quinta-feira (19), River encarou o Colo Colo no Monumental de Núñez. No Monumental de Santiago, na última rodada, Colo Colo e Fortaleza jogam na quarta-feira (25). River e Alianza Lima jogam no mesmo dia no Monumental de Núñez.

No domingo (22), o lanterna Fortaleza recebe o Fluminense no Castelão pela sétima rodada do Brasileirão.

Inter retoma a liderança

Os deuses do futebol sabem o que fazem. Depois de denunciar uma suposta injúria racial sofrida no sábado (15), no Beira-Rio, Edenilson tratou de escrever novas linhas na história do futebol. Ele acusa o lateral-direito Rafael Ramos, do Corinthians, de chamá-lo de “macaco” no confronto entre as equipes pelo Campeonato Brasileiro. O jogador português, que nega a atitude, chegou a ser preso e liberado após pagamento de fiança.

À espera da conclusão da investigação, Edenilson fez apenas um pronunciamento via rede social e se fechou. Bastaram somente três dias para responder com dois gols e um desabafo contra o racismo. Nesta terça (17), aos 18 minutos do primeiro tempo, recebeu cruzamento de David e completou para o fundo da rede. Na comemoração, tirou a camisa e ergueu o punho cerrado como símbolo de luta contra a discriminação. Aos 11 do segundo tempo, completaria a noite de brilho com um golaço de fora da área, de canhota, para fechar o placar em 2 a 0.

O Inter vai aos nove pontos e lidera o Grupo E da Copa Sul-Americana. Apesar da vitória do Guaireña sobre o 9 de Outubro, que também leva os paraguaios aos nove, o Colorado encerra a penúltima rodada em primeiro lugar pelo saldo de gols. Com quatro pontos, o Independiente Medellín está eliminado. O Inter define a classificação na Sul-Americana na próxima terça-feira (24) contra o 9 de Outubro, novamente no Beira-Rio.  Pelo Campeonato Brasileiro, o Inter entra em campo no sábado (21), na Arena Pantanal, contra o Cuiabá, pela 7ª rodada. 

Vitória histórica! 

O Cuiabá conquistou a primeira vitória internacional fora do país. O triunfo por 2 a 1 sobre o River Plate-URU, na noite da quarta-feira (18), no estádio Centenário, em Montevidéu, poderia ter tido mais relevância, se o time já não estivesse eliminado da Copa Sul-Americana.

André Luís foi o grande protagonista da partida ao marcar os dois gols do time mato-grossense. O primeiro foi um golaço. O camisa 25 passou por dois marcadores e deu uma cavadinha na saída do goleiro. O segundo, de carrinho, na etapa final de jogo, foi após cruzamento da direita de Rafael Gava.

Agora o time volta as atenções à Série A. Na 14ª posição, o auriverde recebe o Internacional, no sábado, na Arena Pantanal. 

No mercy!

O Ceará fez o dever de casa. E com louvor. O time não tomou conhecimento do General Caballero e goleou por 6 a 0, na Arena Castelão, na terça-feira (17), pela quinta rodada da Sul-Americana. Wescley, Cléber, duas vezes, Mendoza, duas vezes, e Zé Roberto marcaram. A Arena Castelão, com mais de 20 mil pessoas, explodiu de alegria.

O Ceará está com 15 pontos, na primeira posição do Grupo G. O Independiente soma nove pontos, mas enfrentou o La Guaira na quinta-feira (19). O General Caballero tem um ponto e já está eliminado

Pela Série A, o Ceará encara o Santos no sábado (21), na Arena Barueri, pela sétima rodada. O Ceará soma quatro pontos e está no Z-4 da Série A.

Peixe vence na raça

O Santos pressionou, insistiu, e arrancou quase a fórceps uma vitória por 1 a 0 sobre o Unión La Calera na noite da quarta-feira (18), na Vila Belmiro, que deixa o time perto da classificação às oitavas de final da Copa Sul-Americana. Em um jogo com quatro bolas do Peixe na trave, confusões e mais de 15 minutos de acréscimo no fim, Lucas Barbosa fez a Vila Belmiro explodir com o gol salvador aos 56 do segundo tempo, após lançamento de Sandry e chute sem chances para o goleiro rival. Agora, o Peixe ultrapassa o rival chileno e só depende de si para avançar – só o primeiro de cada chave se classifica. A equipe de Fabián Bustos amassou o rival, parou na trave quatro vezes e saiu premiada no fim, mesmo depois de confusões, acréscimos quase infinitos e a expulsão de Léo Baptistão.

A vitória leva o Santos aos 10 pontos, na liderança do Grupo C, contra oito do Unión La Calera. Na última rodada, os chilenos pegam o Universidad de Quito, enquanto o Peixe recebe o já eliminado Banfield – uma vitória simples garante a classificação às oitavas.

O Santos volta a campo no próximo sábado (21) para enfrentar o Ceará, na Arena Barueri, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro.