Adolescente é preso por atirar acidentalmente e matar amiga em Miami

Brincadeira entre adolescentes acabou em tragédia para duas famílias; jovem, que seria brasileiro,disse em depoimento à polícia que estava “brincando” com arma

0
1960
Arya Gray levou um tiro acidental e morreu (Foto Divulgação)

A adolescente Arya Gray, de 15 anos, morreu depois de levar um tiro na cabeça na madrugada de terça-feira (12) em um complexo de apartamentos em Miami. De acordo com informações da polícia, o tiro teria sido acidental e foi dado por Thalys Gabriel de Oliveira, de 15 anos, que seria brasileiro. Ele está preso acusado de homicídio culposo, quando não há intenção de matar.

De acordo com informações do Local10 News, a polícia foi chamada ao apartamento localizado na Miami’s Upper East Side, por volta das 3 da manhã, para atender à ocorrência. A polícia informou que Thalys estava “brincando” com a arma entre amigos, que pediram para que ele parasse. Minutos depois, ele acabou atingindo a jovem na cabeça.

Os paramédicos levaram Arya para o hospital, mas ela não resistiu aos ferimentos.

O acusado mora no apartamento onde aconteceu o incidente e não ficou claro pela ocorrência se seus pais moram no mesmo apartamento, ou se vivem em outro lugar.

“Eu perdi minha filha de 15 anos por um tiro na cabeça dado por um amigo dela. Eu preciso de apoio. Eu não tenho muitos amigos, apenas no Facebook. Peço desculpas, mas estou devastada e não sei como vou conseguir me recuperar para cuidar dos meus outros dois filhos. Que Deus me ajude”, escreveu a mãe da jovem, Maria Elena Gray, no Facebook.

“Nós nunca mais vamos abraçá-la novamente”, disse uma tia da vítima. “O grupo de amigos estava conversando e, de repente, alguém saca uma arma e uma tragédia como esta acontece. Arya era uma menina calma, que amava estar perto dos amigos e da família. A irmã dela testemunhou tudo”, disse Liz Baguer, tia da vítima.   Uma página no GoFundMe foi criada por amigos para ajudar nas despesas com o funeral. Para colaborar, clique aqui. (Com informações do Local10News)