Amazon demite entregador da Flórida após mulher ser flagrada saindo da porta traseira da van

"O aluguel é alto na cidade. Está muito quente. Basicamente, era para pagar as contas, se você entende o que estou dizendo", explicou o funcionário demitido

0
2761
Gravação foi feita por um turista que se hospedava em um hotel do outro lado da rua (foto: Twitter)

Um motorista e entregador da Amazon em Tampa (FL)  foi demitido depois que um vídeo de uma mulher saindo de sua van de trabalho viralizou nas redes sociais. A gravação de 12 segundos foi feita por Dylan Hook, que se hospedava em um hotel do outro lado da rua. 

O vídeo compartilhado no Twitter no dia 24 de outubro mostra a mulher saindo da parte de trás da van, e na sequencia o funcionário Tywan George também aparece na traseira do veículo. “Os motoristas de entrega da Amazon são diferentes!”  diz a legenda do vídeo. 

Nesta terça-feira (9), George foi às redes sociais se justificar.  Ele falou que a mulher que estava no carro era sua companheira , mas mas não revelou o que o dois faziam dentro do automóvel de entrega.

“Estava fazendo o meu trabalho. Isso era exatamente o que eu estava fazendo”, declarou. “Todo mundo interpretou mal o vídeo. O aluguel é alto na cidade. Está muito quente. Basicamente, era para pagar as contas, se você entende o que estou dizendo”, acrescentou.

Em nota, a Amazon comunicou que “permitir que passageiros não autorizados em veículos de entrega é uma violação da política da empresa. “O motorista não está mais entregando pacotes aos clientes da Amazon”, informou a gigante.

https://twitter.com/iseentit_online/status/1452433307925372935