Americano é morto a facadas na Bahia

Suspeito, que dividia a casa com o americano na cidade de Paulo Afonso, está foragido

0
3174
Americano foi assassinado no Brasil
Americano foi assassinado no Brasil

Um americano de 53 anos foi morto a facadas dentro do apartamento onde morava, em Paulo Afonso, na região norte da Bahia. Segundo informações da delegada Mirela Ventura, o homem que dividia apartamento com o estrangeiro Monty Raul Thidodeaux é o principal suspeito do crime. As informações são do G1.

Segundo a polícia, o suspeito teria matado o amigo a golpes de faca, foice e barra de ferro após uma discussão. Os dois brigaram ao voltarem de uma festa na madrugada de domingo (8), e o corpo do americano foi encontrado no mesmo dia. Não há detalhes sobre o que provocou o desentendimento.

Ainda de acordo com a delegada, o suspeito fugiu após o crime e, até a tarde desta segunda-feira (9) ainda não tinha sido localizado. De acordo com a Polícia Civil, o homem que teria cometido o crime é ex-presidiário e usuário de drogas. A polícia não informou por qual crime ele havia sido preso.

O corpo da vítima, que era natural do estado do Texas, foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT). Não há informações sobre quando o corpo deve ser liberado para sepultamento e nem se será encaminhado de volta ao país de origem.

Conforme a Polícia Civil, o americano tinha visto de turista válido por 90 dias, mas já estava morando em Paulo Afonso há mais de um ano. A polícia não confirmou, no entanto, se houve revonação do visto e se ele estava ilegal no país. O caso é investigado pela delegacia de Paulo Afonso.

Dois em menos de um mês

No dia 27 de dezembro, outro americano foi assassinado no Brasil. O americano Forrest Michael Platz, de 48 anos, foi morto a facadas durante a comemoração do Natal na casa dele em Goiânia. Segundo a Polícia Civil, o namorado da sogra o esfaqueou durante uma discussão. O suspeito está preso.