Amiga é presa acusada de matar a tiros ex-senadora do Arkansas

Linda Collins-Smith foi encontrada morta a tiros em casa; a acusada trabalhou na campanha da ex-senadora

0
2104
Rebecca (direita) foi presa acusada de matar Linda (Foto divulgação CBS)
Rebecca (direita) foi presa acusada de matar Linda (Foto divulgação CBS)

Uma amiga e funcionária da campanha da ex-senadora Linda Collins-Smith, encontrada morta a tiros em casa no Arkansas, foi presa na sexta-feira (14) acusada pelo assassinato. Rebecca O’Donnell, de 48 anos, foi acusada de homicídio e abuso de cadáver da ex-senadora.

A ex-senadora e a acusada trabalharam juntas no último ano, quando Linda tentou se reeleger para o cargo, mas não venceu.

O corpo de Linda foi encontrado no dia 4 de junho. Os investigadores levaram dois dias para identificar Linda, já que o corpo estava em avançado estado de decomposição.

A acusada está presa sem direito à fiança. A polícia não divulgou o que teria acontecido no dia do assassinato e nem as razões para tal, até que “as autoridades tenham certeza que a divulgação de detalhes não atrapalhe o andamento das investigações”.