Após câncer agressivo, brasileira faz campanha para reconstruir as mamas

Gisele Zancanaro, moradora de Coral Springs, na Flórida, removeu as duas mamas após descobrir um câncer já avançado que atacou também o fígado

0
2255
Foto: Gofundme

Gisele Zancanaro, de 36 anos, foi diagnosticada com um tipo agressivo de câncer no seio em 2019. 

A notícia veio enquanto ela ainda se recuperava de outro acontecimento trágico: o apartamento em que morava  com duas amigas em Boca Raton pegou fogo e elas perderam tudo, inclusive as duas gatas de estimação que morreram carbonizadas.

Assim que descobriu o câncer Gisele iniciou o tratamento, mas o diagnóstico tardio revelou que o tumor já apresentava metástase e a doença havia contaminado também o fígado da brasileira.

No entanto, “ela nunca desistiu” conforme disse ao AcheiUSA a amiga e pessoa mais próxima de Gisele nos EUA, Maria Aparecida. “Está sempre sorrindo, animada”, contou.

O tratamento envolveu 30 sessões de quimioterapia. Em uma dessas sessões, os médicos descobriram que o câncer havia se espalhado também para o outro seio e optaram por remover completamente as duas mamas.

Por meio de uma instituição de caridade, Gisele concluiu o tratamento gratuitamente no Holy Cross Health, em Fort Lauderdale. Mas havia outras contas a serem pagas.

“Ela passou uma semana internada e acumulou uma dívida de 12 mil em um hospital”, disse Maria Aparecida.

Para pagar custos médicos e outras despesas correntes, Gisele não parou de trabalhar como garçonete em um restaurante de comida brasileira em Boca Raton.

No início de 2020, entretanto, veio mais uma adversidade. A pandemia de covid-19 determinou o fechamento de bares e restaurantes na Flórida e, quando reabriram, foram constatadas perdas substanciais nas receitas dos negócios.

Com o salário reduzido devido ao impacto da pandemia ficou ainda mais difícil pagar as despesas.

Atualmente, Gisele se encontra na fase de recuperação e pretende fazer uma cirurgia de reconstrução mamária que tem alto custo nos EUA.

Os amigos fizeram uma vaquinha online no site Gofundme para ajudá-la a pagar dívidas acumuladas do tratamento e realizar o procedimento.

Uma meta de arrecadação de 30 mil foi estipulada. Até esta quarta-feira (3), a campanha registrava $4,963.

Para contribuir com a campanha de Gisele Zancanaro clique aqui.

O câncer de mama é a principal causa de óbitos por câncer das mulheres brasileiras. Para prevenir o desenvolvimento e detectar precocemente essa doença, o autoexame das mamas é o primeiro passo.

Estima-se que cerca de 80% dos tumores de mama são descobertos através do autoexame.