Atirador invade faculdade e mata pelo menos 10 no Oregon

Homem foi detido e policia investiga motivação; esse é o 45º caso do tipo em 2015 nos EUA

0
1116

DA REDAÇÃO (com Agências) – Um atirador disparou nesta quinta-feira (1º) na Umpqua Community College, faculdade comunitária no estado do Oregon, matando pelo menos 10 pessoas e deixando outras 20 feridas. A faculdade, que fica a 9,7 km da cidade de Roseburg, foi fechada, e a polícia prendeu o suspeito.

O xerife do condado de Douglas, John Hanlin, deu uma coletiva de imprensa, mas não divulgou o número de mortos. Ele informou apenas que o atirador era um homem que foi localizado em uma sala de aula. Segundo o xerife, houve troca de tiros, e o suspeito foi morto. Os policiais não ficaram feridos. A governadora do Oregon, Kate Brown, disse em pronunciamento em Portland que o atirador tinha 20 anos.

Até o fechamento desta edição na quinta-feira (1) à noite, o número de mortos no incidente não estava claro. A rede CNN informa que 10 pessoas morreram e 20 ficaram feridas com os disparos. Já a agência Reuters diz que a imprensa local informa 15 mortos citando a polícia do Oregon. O procurador-geral do estado disse à afiliada da rede NBC em Portland que 13 pessoas morreram.

Os feridos foram transportados para receber atendimento médico. Outros estudantes e funcionários da faculdade foram levados de ônibus a um centro do condado para encontrar seus familiares.

O presidente Barack Obama agradeceu os policiais que agiram no local e lamentou as mortes em pronunciamento na Casa Branca, em Washington. Disse que seus “pensamentos e orações” estão com as famílias das vítimas, mas que dizer isso não é suficiente. O presidente criticou a facilidade de se obter armas no país e disse que as mortes em massa já viraram “rotina”.

“Não deveria ser tão fácil para uma pessoa que queira causar danos em outras pessoas conseguir uma arma”, afirmou. “Qualquer pessoa que faça isso tem uma doença em sua mente”, disse. “Somos uns dos maiores países que assiste a essas mortes em massa a cada mês”.

Em seu discurso, disse que o país gasta trilhões de dólares para impedir ataques terroristas no país, mas que o Congresso impede a reunião de dados sobre mortes por armas. E pediu ao Congresso para legislar sobre o controle de armas.O campus da North Umpqua River Valley fica num local afastado e em meio à natureza. A universidade é composta em sua maioria por alunos acima de 30 anos que estão mudando de carreira profissional.

Segundo a Every Town for Gun Safety, uma iniciativa que luta pela diminuição da violência decorrente de armas de fogo, o ataque no Oregon foi o 45º em instituições de ensino nos EUA somente em 2015.