Atriz brasileira estrela blockbuster de super-herói da Marvel

0
1932

Nascida no Rio de Janeiro e vivendo nos Estados Unidos desde os 7 anos, Morena Baccarin é estrela do longa ‘Deadpool’, atual sucesso nos cinemas americanos

DIVULGAÇÃO
A brasileira Morena Baccarin, estrela do sucesso Deadpool

A brasileira Morena Baccarin, estrela do sucesso Deadpool

DA REDAÇÃO – O filme “Deadpool”, baseado em um herói ultra politicamente incorreto, do cast da famosa editora de quadrinhos Marvel, é um dos maiores sucessos nos cinemas americanos neste ano. Em seu fim de semana de estreia, o longa arrecadou $135 milhões, quebrando recorde de faturamento para filmes que tem classificação etária (não são censura livre). Estrelada pelo galã Ryan Reynolds, a produção também tem sangue brasileiro no elenco.

Trata-se da atriz Morena Baccarin, carioca que veio para os Estados Unidos aos 7 anos de idade, acompanhando o pai, jornalista, que foi transferido para trabalhar no país. Morena brilha no filme, que é mais um passo em sua carreira, cada vez mais conhecida na TV e cinemas americanos – ela foi um dos personagens principais na série policial “Homeland”, um dos sucessos do canal de TV Showtime, na pele da esposa de um soldado americano suspeito de ligações com o terrorismo.

Em entrevista concedida ao portal UOL, Morena fala de sua trajetória no showbiz mais concorrido do planeta. Segundo ela, a participação em “Deadpool” traz dimensão inédita à sua carreira. “Nunca fiz parte de algo tão grande”, disse. “‘Deadpool’ é uma bela história de amor. E eu não digo isso como um comentário irônico. É um filme de super-heróis, claro. Mas tem um coração enorme!”

“Quando vi o filme, mal pude acreditar no quanto eles conseguiram de fato colocar em cena”, contou. “Muito que eu via quando estávamos filmando eu tinha certeza que o estúdio fosse achar intenso demais ou absurdo demais para entrar no corte final.”

A atriz conta ainda que o filme, destinado a um público mais adulto do que os de outros filmes de super-heróis, tinha um orçamento mais limitado mas que o resultado final, oferecido ao público, não é nada menos do que grandioso. “Eu sei que o orçamento era uma fração dos outros filmes de super-heróis que vemos no cinema, mas (o diretor) Tim (Miller) fazia tudo parecer muito maior do que de fato era.”

História de vingança
O filme de ação conta a história do ex-militar e mercenário Wade Wilson, vivido por Reynolds, que é diagnosticado com um câncer em estado terminal e encontra uma possibilidade de cura em uma sinistra experiência científica. Recuperado, e com poderes, ele torna-se Deadpool e busca vingança contra o homem que destruiu sua vida.

Reynolds passou anos tentando convencer os estúdios de que um filme de super-herói com restrição etária funcionaria. Hoje, “Deadpool” é a maior estreia da 20th Century Fox e superou as aberturas dos filmes de super-heróis com restrição para menores de 13 anos como “Iron Man” ($116,6 milhões) e “Captain America” ($95 milhões). O longa estreou no dia 12 e está atualmente em cartaz nos cinemas americanos.