Biden anuncia liberação de 50 milhões de barris reserva de petróleo

Objetivo é conter o preço da gasolina, que já passa de $5 o galão em alguns estados

0
783
Biden autoriza liberação de 50 milhões de litros de petróleo (Foto Canva)

O presidente Joe Biden vai anunciar, nesta terça-feira (23), a liberação de 50 milhões de petróleo reserva para conter o preço dos combustíveis no País.

Segundo informações do Departamento de Energia, os barris virão do Strategic Petroleum Reserve, com objetivo de aumentar a oferta do produto e frear o aumento de preços.

“Hoje, o presidente anuncia que o Departamento de Energia (DOE) disponibilizará 50 milhões de barris de petróleo da Reserva Estratégica de Petróleo para reduzir os preços para os americanos e resolver o descompasso entre a saída da demanda da pandemia e a oferta”, afirma a Casa Branca em comunicado.

A expectativa é que os consumidores só vejam o resultado dessa medida nas bombas a partir de meados de dezembro.

A Casa Branca explicou que os 50 milhões de barris serão liberados em duas partes: 32 milhões serão disponibilizados por meio de troca nos próximos meses, liberando petróleo que eventualmente retornará à Reserva Estratégica de Petróleo nos próximos anos; e 18 milhões de barris por meio de venda que o Congresso havia autorizado anteriormente.

Por fim, o comunicado afirma que “há evidências crescentes de que as quedas nos preços do petróleo não estão se traduzindo em preços mais baixos nos postos. Na semana passada, o presidente pediu à Comissão de Comércio Federal para examinar o que está acontecendo nos mercados de petróleo e gasolina”.

Hoje existem 604.5 milhões de barris reserva de petróleo na Reserva Estratégica de Petróleo, de acordo com informações do DOE.