Black Panther estreia nos cinemas e tem super-herói negro como protagonista

Filme tem estrelas como Chadwick Boseman e Lupita Nyong’o no elenco

0
1977
Black Panther é considerado o primeiro super-herói negro da Marvel a estrelar o próprio filme
Black Panther é considerado o primeiro super-herói negro da Marvel a estrelar o próprio filme (Foto: Marvel/Divulgação)

DA REDAÇÃO – O filme ‘Black Panther’ chega no fim desta semana aos cinemas em meio à batalha em Hollywood por mais diversidade e igualdade de gênero. As informações são do Portal UAI. Depois do sucesso de Wonder Woman, os olhares se voltam agora para T’Challa, o rei e protetor da fictícia nação africana de Wakanda, interpretado por Chadwick Boseman.

O personagem Black Panther, que apareceu em Captain America: Civil War (2016), é considerado o primeiro super-herói negro da Marvel a estrelar o próprio filme. Também foi o primeiro a figurar nos quadrinhos americanos. Porém, não se pode ignorar o caminho aberto por Wesley Snipes em Blade, e por Halle Berry como em X-Men e no filme Catwoman.

As expectativas são grandes em torno do longa de Ryan Coogler, que, aos 31 anos, é um dos diretores promissores de Hollywood.

A Exhibitor Relations espera arrecadar $135 milhões nos Estados Unidos e no Canadá, onde o filme estreia nesta sexta-feira (16). Também planeja faturar $375 milhões apenas nesses mercados.

A crítica americana elogiou a combinação de grandes perseguições, cenários futuristas, humor e heróis com figurino e maquiagem inspirados em guerreiros africanos. Além de Boseman, o elenco inclui vários astros e estrelas negros: Lupita Nyong’o, Daniel Kaluuya, Angela Bassett, Forest Whitaker e Michael B. Jordan.

“Não posso descrever a sensação de estar sentado e assistir ao filme, de me ver na tela assim como pessoas que se parecem comigo, e de me sentir com poder, abordando temas sociais relevantes. Mas tudo isso num filme que você pode curtir”, afirmou Michael B. Jordan, que interpreta Killmonger, o rival de T’Challa.

Nascido na Carolina do Sul em família oriunda de Serra Leoa, o ator Chadwick Boseman deu ao personagem refinado sotaque do Leste da África, apesar de tentarem demovê-lo dessa ideia. “Fui categórico. Entonações e melodias do sotaque africano são tão clássicas como as da Grã-Bretanha ou da Europa”, explicou o intérprete de Pantera Negra.

O filme reservou espaço significativo para as mulheres. “Na cultura africana, não há rei sem rainha. E essa história ressalta a rainha, a guerreira, a generala, a jovem irmã”, afirmou a atriz Angela Bassett, que interpreta Ramonda, mãe de T’Challa.

A trilha sonora contou com a participação de Kendrick Lamar, que está entre os nomes mais importantes do hip-hop norte-americano. No Brasil, o filme inclui rap composto especialmente pelo paulistano Emicida. (Com informações da AFP).