Brasil: desempregado leva 8 meses para se recolocar, diz estudo

0
1191

Estimativa realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) utilizando dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revela que um brasileiro que fica desempregado demora cerca de oito meses para se recolocar no mercado de trabalho.

“Os oito meses estimados pelo SPC Brasil é um período significativamente maior que os 6,8 meses que eram necessários no final de 2014, um aumento de 36 dias. O tempo maior para a recolocação é reflexo da conjuntura econômica atual, em que se observa o fechamento de postos de trabalho ao invés da criação de outros novos”, avaliou, em entrevista ao portal G1, a economista-chefe do SPC Brasil, Marcela Kawauti.

De acordo com os dados do IBGE, citados pelo SPC Brasil, a taxa de desemprego avançou mais de dois pontos percentuais ao longo do ano passado, o que significa que cerca de 1,7 milhão de pessoas estavam à procura de um emprego no final de 2015, montante 42,5% maior do que no ano de 2014.

Pior recessão desde os anos 1990
O SPC Brasil lembra que dados apontam que a economia brasileira caminha para maior recessão desde o início dos anos 90 e que os efeitos dessa conjuntura já são sentidos por boa parte dos consumidores. “Um desses efeitos é o forte aumento do desemprego e a maior dificuldade de recolocação”, acrescentou. ?