Brasil inicia campanha de vacinação contra covid-19

Ministério da Saúde informou que aviões da FAB iniciam entrega de seis milhões de doses da CoronaVac, produzida pelo instituto Butantan, em todos os estados nesta segunda-feira (18)

0
450
Imunizantes produzidos pelo instituto Butantan serão distribuídos em todo o país (foto: Força Aérea Brasil/Divulgação)

Após aprovar a vacina CoronaVac, produzida pela empresa chinesa Sinovac em parceria com o centro de pesquisas Butantan, o Brasil se prepara para iniciar a vacinação contra a covid-19 em todos os 26 estados e no Distrito Federal.

O primeiro lote de distribuição dos imunizantes irá entregar seis milhões de doses, conforme informou o Ministério da Saúde nesta segunda-feira (18). Uma força-tarefa da Força Aérea Brasileira (FAB), irá concluir as entregas até quarta-feira (20), quando os primeiros grupos começarão a ser imunizados. As informações são da Agência Brasil.

Pesquisadores do Instituto Butantan informaram na semana passada que a eficácia geral da vacina é de 50,4%, passando para até 70% quando o paciente recebe a segunda dose.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), também aprovou, neste domingo (17), em caráter emergencial, a vacina Oxford/AstraZeneca feita pelo Instituto Serum, da Índia.

Os primeiros na ordem de prioridades para receber as vacinas são: Trabalhadores da área da saúde, pessoas acima de 60 anos, indígenas, comunidades tradicionais ribeirinhas e quilombolas.    

Número de pessoas a serem vacinadas em cada região:

Norte: 337.332

Nordeste: 683.924

Sudeste: 1.202.090

Sul: 357.821

Centro-Oeste: 273.393

Quantidade de doses enviadas por região:

Norte: 708.440

Nordeste: 1.436.160

Sudeste: 2.524.360

Sul: 751.440

Centro-Oeste: 574.160