Brasileiro acusado de matar conterrâneo tem fiança fixada em $1 milhão

Ele é suspeito de esfaquear homem em MIlford (MA) no mês passado

0
2573
Jusselo Dias dos Reis é acusado de matar conterrâneo
Jusselo Dias dos Reis é acusado de matar conterrâneo

Na terça-feira (8), o brasileiro Jusselo Dias dos Reis, de 44 anos, morador em Milford (MA), acusado de matar a facadas Carlos Drummond em meados de julho, alegou inocência em audiência sobre o caso. Entretanto, o juiz da Corte Distrital de Milford determinou a fiança em $1 milhão. As informações são do jornal Brazilian Voice.

Ele é acusado de matar a facadas Carlos Drummond “Coxinha” e era um antigo morador da casa. Ainda, conforme relatos de pessoas que conheciam o local, a briga começou em uma festa portuguesa e seguiu até a casa onde o assassinato aconteceu no dia 16 de julho. O réu é acusado de agressão física com agravantes, mas as autoridades informaram que o caso ainda estava sob investigação, portanto, mais acusações poderiam ser apresentadas. O caso foi ouvido pelo Juiz Thomas Carrigan.

O promotor público Joseph Simmons pediu ao magistrado para que fosse determinada uma fiança alta. Ele relatou que Reis enfrenta acusações relacionadas a um homicídio e possui uma ordem de prisão em aberto pela Corte Distrital de Framingham. Como o advogado de defesa Randall K. Power não apresentou objeções, o juiz determinou a fiança e agendou outra audiência para sexta-feira (11), para que o caso pudesse ser melhor avaliado.

Segundo o patrulheiro Robert Parr, testemunhas relataram que Reis teria esfaqueado Drummond no peito com uma faca de cozinha.  A vítima morava nos Estados Unidos há 14 anos e deixou 2 filhos, um no Brasil e outro nos EUA.