Brasileiro é acusado de receber mais de $11 mil em benefícios do governo

Homem é proprietário de loja de carros de luxo e recebia “food stamp” e “medicaid”

0
4196
Segundo as autoridades, Ricardo vivia uma vida de luxo, mas mentia para conseguir benefícios do governo
Segundo as autoridades, Ricardo vivia uma vida de luxo, mas mentia para conseguir benefícios do governo

DA REDAÇÃO – Um brasileiro dono de uma loja de carros em Orlando (FL) está sendo acusado de receber ilegalmente benefícios do governo dos EUA.  As informações são do Channel 9 de Orlando.

Segundo a reportagem, Ricardo Amar – que vive numa casa de alto padrão em Metrowest – está sendo acusado de tirar milhares de dólares de contribuintes, mas ele nega. Ao canal, ele disse que tudo não passa de um mal-entendido.

O acusado é proprietário de uma loja de importação e exportação de carros de luxo, inclusive Ferraris, e não se qualifica para receber benefícios do governo. Mesmo assim, ele teria recebido, nos últimos três anos, $11.395 em benefícios. Segundo a investigação, ele alegava que ninguém da casa tinha trabalho durante anos, mas sua esposa trabalha numa empresa de venda de tíquetes em Orlando. Amar disse aos investigadores que ele não reportou o trabalho da sua esposa “por desconhecimento”. Sua empresa adquiriu em 2014 mais de $175 mil em bens.

Em seu depoimento, Amar disse que nunca teve a intenção de cometer fraude e que o que recebeu foi por necessidade. Ele terá que ressarcir $15 mil aos cofres públicos.