Brasileiro que morava em Deerfield Beach morre após ser baleado em posto de gasolina

O brasileiro trabalhava como caminhoneiro e foi baleado durante uma parada em New Jersey no último sábado. Segundo os policiais, o crime aconteceu após uma discussão com outro caminhoneiro

0
2176
Pilot Travel Centre, em Union Township, condado de Hunterdon , New Jersey (foto: reprodução)
Pilot Travel Centre, em Union Township, condado de Hunterdon , New Jersey (foto: reprodução)

Uma discussão durante uma parada de caminhoneiros no Pilot Travel Centre, em Union Township, condado de Hunterdon , New Jersey, terminou com a morte do mineiro Ricardo de Castro, de 43 anos, que morava atualmente em Deerfield Beach, na Flórida.

O crime aconteceu no sábado (23), por volta das 12:30 p.m. e está sendo investigado pela unidade de crimes graves da New Jersey State Police. 

Segundo as autoridade policiais, Ricardo foi baledo por outro caminhoneiro identificado como David Rodriguez, 44, da Califórnia. Os dois teriam tido uma discussão ainda dentro do estabelecimento e, ao sairem para o estacionamento, David teria atirado no brasileiro com uma arma .40.

A polícia não informou os motivos que levaram ao desentendimento entre eles.

Ricardo chegou a ser transportado para a emergência do hospital Hunterdon Medical Center, mas não resistiu ao ferimento e faleceu horas mais tarde.

O suspeito confessou o crime e foi preso sem apresentar resistência. Ele irá responder às acusações de  homicídio, porte ilegal de arma e porte de arma para fins ilícitos. 

Os detetives que investigam o caso pedem que qualquer pessoa com mais informações sobre o ocorrido entre em contato com a delegacia de Perryville, Nova Jersey, pelo telefone 908-730-7042. 

Denunciantes terão a identidade mantida em sigilo.