Broward contrata 102 professores das Filipinas para suprir falta de mão de obra

Profissionais estrangeiros tiveram que passar por uma certificação feita pelo Departamento de Educação da FL para serem elegíveis para a vaga

0
959
Escolas de Broward dão as boas-vindas a professores das Filipinas (Foto Divulgação)

Para suprir a falta de professores, o Departamento de Educação do condado de Broward contratou 102 profissionais das Filipinas para o ano letivo que acabou de começar.

Os professores estrangeiros foram contratados com vistos J-1, que é voltado para integrantes de programas de intercâmbio. Eles têm permissão para ficar nos Estados Unidos por três anos e renovar o visto por mais dois anos.

Os profissionais estrangeiros tiveram que passar por uma certificação feita pelo departamento para serem elegíveis para a vaga.

“É uma experiência intensa e desafiadora”, disse Artie Marforie, que chegou do país asiático para dar aulas de Ciências. “Estamos nos adaptando à nova realidade e acredito que nas próximas semanas já estaremos acostumados”, comenta.

Há oito meses, o departamento contratou uma empresa para realizar a contratação de professores das Filipinas, já que a falta de mão-de-obra local se tornou um problema.

Mais de 600 pessoas aplicaram para as vagas e 102 foram selecionados. “A maioria tem experiência como professores em seu país de origem. Vai ser uma experiência rica para os nossos alunos, que terão a oportunidade de conhecer uma nova cultura”, afirma Susan Rockelman, responsável pelas contratações.

Os professores filipinos vão receber o mesmo valor que os americanos.