Broward Sheriff’s Office tem 77 funcionários infectados pelo coronavírus

No dia 3 de abril o policial do departamento, Shannon Bennett, de 38 anos, morreu vítima da doença

0
871
Sheriff do condado de Broward, Gregory Tony, comandou a operação (foto: Broward Sheriff's Office)

Setenta e sete funcionários do Broward County Sheriff’s Office testaram positivo para o coronavírus, número que dobrou em apenas uma semana.

Segundo o sheriff Gregory Tony, duas pessoas já se recuperaram e vão voltar ao trabalho em breve.

A porta-voz do departamento de polícia, Veda Coleman-Wright, disse que a maior parte das pessoas contaminadas trabalha no departamento de comunicação do local e nas ruas.

Um policial do departamento, Shannon Bennett, morreu vítima da COVID-19 no dia 3 de abril. Ele tinha 38 anos e trabalhava no monitoramento da Deerfield Beach Elementary School.

O sheriff reafirmou que oferece todos os equipamentos de segurança necessários aos seus funcionários e policiais. Ele vem sendo duramente criticado pelo sindicato de policiais por não prover equipamentos necessários para a segurança de quem trabalha no departamento.

Tony foi criticado publicamente pelo líder sindical Jeff Bell e acabou sendo suspenso. Desde então, o sheriff tem reforçado que se preocupa com a segurança de seus funcionários. “Esses homens e mulheres que trabalham sob minha supervisão, se eles não viram que eu tenho os melhores interesses e se eles não viram que eu farei todo o possível para tornar essa agência a melhor agência do país. Se ainda não enxergaram isso, teremos um caminho difícil pela frente”, disse Tony.

A Flórida tem hoje (16) 22.519 casos de coronavírus e 614 mortes. O condado de Broward tem 3.363 casos da doença e 94 mortes.