Campus do Miami-Dade College é fechado depois de confirmação de que assessor de Bolsonaro está com coronavírus

Campus de Medicina sediou encontro de Bolsonaro com a comunidade; Fábio Wajngarter, que integrou a comitiva de Bolsonaro na Flórida, foi diagnosticado com a doença

0
1105
Campus de Medicina do Miami-Dade College está fechado (Foto Divulgação MDC)
Campus de Medicina do Miami-Dade College está fechado (Foto Divulgação MDC)

O campus de Medicina do Miami-Dade College (MDC), em Miami, fechou o prédio imediatamente após a divulgação da notícia de que o Secretário de Comunicação da Presidência da República, Fábio Wajngarten, está com o coronavírus. A notícia caiu como uma bomba na imprensa americana, já que o assessor também esteve presente ao jantar com o presidente Donald Trump, no sábado (7), em West Palm Beach.

“Como forma de precaução, o MDC anuncia o fechamento imediato do seu Medical Campus depois que um visitante que participou de um evento, que não era do MDC, testou positivo para o COVID-19. O MDC está em contato com agentes de saúde locais para tomar as providências necessárias. O MDC também cancelou todos os eventos da faculdade com base nas recomendações do governo da Flórida. As aulas em outros campuses estão mantidas normalmente”, informou o Miami-Dade College em comunicado.

Vale lembrar que neste evento estavam presentes centenas de brasileiros, que assistiram ao discurso do presidente, tiraram selfies e circularam no mesmo ambiente em que Fábio estava. Autoridades, ministros e a imprensa também estava presente em grande número.