Candidato a sheriff de Broward afima que não tem a intenção de ‘ir atrás de indocumentados’

Em entrevista exclusiva ao AcheiUSA, Jim Fondo afirma que a polícia tem que trazer a comunidade para junto dela e não o contrário

0
4543
Candidato a sheriff de Broward Jim Fondo
Candidato a sheriff de Broward Jim Fondo

DA REDAÇÃO – Nas eleições de novembro deste ano os cidadãos americanos registrados para votar escolherão, além do próximo presidente, senadores, deputados e outros representantes, inclusive o novo sheriff que comanda a segurança pública de uma região. Atualmente, no Condado de Broward, o sheriff Scott Israel está à frente do Broward Sheriff Office – BSO. Ele irá concorrer à reeleição juntamente com outros seis candidatos. Entre os concorrentes, está o democrata Jim Fondo que em entrevista exclusiva ao AcheiUSA falou sobre seus projetos à frente de tamanha responsabilidade. Os seis candidatos irão enfrentar as primárias no dia 30 de agosto e será decidido um nome do Partido Democrata que irá concorrer com um candidato Republicano ou independente nas eleições de novembro.

Fondo apresentou sua candidatura no dia 7 de abril. Ele é oficial aposentado do BSO, com mais de 30 anos de experiência em segurança pública. O AcheiUSA irá fazer contato com os demais candidatos para que eles também apresentem suas propostas. Confira abaixo a entrevista de Jim Fondo.

AcheiUSA – Como o senhor sabe, nós temos uma grande comunidade brasileira residente em Broward e segurança e bem-estar é uma grande preocupação. Quais são seus planos caso seja eleito para sheriff de Broward County?

Jim Fondo – Todos nós em Broward County temos o direito de nos sentirmos seguros e confortáveis no ambiente em que vivemos. O Broward Sheriff Office precisa ser justo e consistente em se aproximar de todos, incluindo pessoas e famílias que imigram a este país para ter uma vida melhor. BSO também precisa fazer um melhor trabalho em atuar junto às minorias de todas as etnias. A comunidade brasileira tem crescido muito nos últimos anos e precisa ser representada propriamente no Sheriff’s Office.

AU – O que os imigrantes podem esperar do próximo sheriff? Sabemos que os imigrantes indocumentados têm medo de serem denunciados ao ICE e evitam a polícia. Como você pretende se aproximar mais da comunidade brasileira?

JF – Eu não tenho a intenção de focar em ”ir atrás” de pessoas que moram em Broward County simplesmente por não serem documentados. O governo federal não tem feito da imigração ilegal uma prioridade, e ao contrário, o governo Obama está trabalhando para prover maneiras para uma cidadania legal. Todos que moram ou visitam Broward County têm que ser tratados com respeito e dignidade. Todos que moram nessa comunidade têm um papel muito útil em nossa sociedade. Em relação aos crimes, o BSO encorajará as pessoas a testemunharem e ajudarem a polícia em suas investigações. Eles serão benvindos e tratados com respeito. O seu status nos Estados Unidos é irrelevante quando se trata em ser vítimas ou testemunha. Como Sheriff, eu farei com que todos sejam tratados justamente. Ninguém ira viver com medo por causa do seu status imigratório.

AU – A criminalidade tem aumentado em nossa região nos últimos anos. Quais são os seus planos para reduzir essas estatísticas caso seja eleito?

JF – Meu foco será tirar parte da “politica” no BSO e substituir com mais segurança pública. Em outras palavras, contratar menos cargos apontados por políticos e mais homens e mulheres para proteger o condado. Adicionar mais policiais de ruas e menos pessoas de alto comando, além de dirigir mais verba que irá criar um ambiente mais tranquilo para todos nós. Eu sou bem chegado da comunidade brasileira e tenho muitos amigos brasileiros. Assim como a bandeira brasileira diz, Ordem e Progresso, e meu lugar na sociedade como sheriff, de ter ordem na comunidade e continuar a ter progresso como meta. Isto significa que iremos trabalhar para proteger todos que moram e nos visitam. A primeira prioridade do BSO e prover segurança pública a essa comunidade.

Para fechar, eu acho que os imigrantes sem documentos sentem que eles não podem aparecer, então eles e escondem, nas sombras. Às vezes, existem razões para que eles não confiem na polícia. Eu irei ajudar esses indivíduos a saírem das sombras para que eles não vivam com medo. Isso fará com que a comunidade de imigrantes seja mais efetiva, relevante e produtiva. Eu só posso fazer essas mudanças com seu apoio. Por isso, nos ajude a te ajudar.