Casos de coronavírus na Flórida chegam a quase 9 mil em um único dia

Como resposta, governo ordenou que todos os bares parem de servir bebidas alcoólicas no Estado; bares do Sul da Flórida ainda não têm permissão para abrir

0
1433
Posto de teste no Fitteam Ballpark of The Palm Beaches (Foto AcheiUSA)

A Flórida é um dos estados americanos onde as infecções pelo coronavírus estão subindo vertiginosamente. Na manhã desta sexta-feira (26), de acordo com o Departamento de Saúde, 8.942 novos casos foram reportados no Estado, batendo o recorde de 5.511 da última quarta-feira.

Como resposta, o governo proibiu temporariamente a venda de bebidas alcoólicas em bares do Estado. A medida visa reduzir a contaminação entre jovens, que estão na faixa etária com maior número de casos recentes. 

Os bares do Sul da Flórida ainda não têm permissão para funcionar, ao contrário do restante da Flórida. Bebidas alcoólicas só poderão ser servidas em restaurantes para clientes que estejam jantando. 

O Departamento de Saúde da Flórida reportou 122.960 pessoas contaminadas pelo coronavírus, com 3.464 mortes desde o início da pandemia. 

Desde o dia 17 de junho, depois do início da reabertura, 42.851 pessoas foram infectadas pelo coronavírus.