CDC encerra monitoramento contra a covid-19 em cruzeiros

Órgão de saúde publicava diariamente relatório sobre grau de perigo para a covid em navios

0
326
Wonder of The Seas, transatlântico da Royal Caribbean (Foto: Royal Caribbean)
Wonder of The Seas, transatlântico da Royal Caribbean (Foto: Royal Caribbean)

O Centers for Disease Control and Prevention (CDC) anunciou nesta segunda-feira (18) em sua página na internet que vai encerrar o monitoramento diário de casos de covid -19 em navios de cruzeiro.

Segundo o governo, a maioria das operadoras de cruzeiro envia relatórios sobre o número de casos diários de covid e casos suspeitos, além de adotarem medidas para reduzir o risco de transmissão da doença a bordo.

“As operadoras de cruzeiro vão continuar reportando os casos, mas a atualização não será feita diariamente”, disse o órgão.

Até a última segunda, o CDC postava todos os dias o status de contaminação por covid em cada navio por meio de cores. Especialistas do setor criticavam o programa dizendo que navios pequenos estavam no mesmo grupo que navios grandes e havia um problema de proporção no número de casos.

Esse programa estava em vigor desde o início da pandemia. “Nos últimos anos, o CDC trabalhou lado a lado com a indústria de cruzeiros para proporcionar um ambiente seguro e saudável a passageiros e funcionários do navio. O CDC determinou que diversas medidas fossem cumpridas para mitigar os riscos de contaminação a bordo. Apesar de o monitoramento diário ter sido descontinuado, nosso trabalho para guiar as operadoras de cruzeiro continua.”, disse a porta-voz do CDC, Kristen Nordlund.

A Associação Internacional de Operadoras de Cruzeiro (CLIA, na sigla em inglês) comemorou a decisão. “Ainda não temos muitos detalhes, mas sabemos que este é um passo importante e mostra que a indústria segue à risca às recomendações dos órgãos de saúde e aplicou com sucesso medidas para conter a propagação do vírus”.