Chihuahua de West Palm Beach é o cão mais velho do mundo, segundo livro dos recordes

Cachorro de nome TobyKeith completou 21 anos em janeiro e, segundo sua dona, ele é saudável. A média de vida útil da raça é entre 12 e 18 anos

0
846
O cãozinho TobyKeith (foto: Instagram Gisela Shore)

Um morador da Flórida de quatro patinhas quebrou o recorde de cachorro vivo mais velho do mundo, de acordo com o Guinness Book of World Records (GWR). Segundo a publicação, o Chihuahua de nome TobyKeith vivem em West Palm Beach, no condado de Palm Beach, alcançou o título ao completar 21 anos . TobyKeith nasceu em 9 de janeiro de 2001. De acordo com o GWR, a dona do cachorro, Gisela Shore, o adotou em um abrigo de animais quando ele tinha apenas alguns meses de idade.

“Eu era voluntária no Peggy Adams Animal Rescue e um dos funcionários me contou sobre um casal de idosos tentando entregar um filhote porque não podiam mais cuidar dele”, disse Gisela. O cão, segundo a dona, é saudável. Ele superou a média de vida útil da raça, que normalmente é entre 12 e 18 anos. Gisela acredita que a longevidade do mascote é uma combinação de uma dieta saudável, exercícios regulares e, claro, um lar amoroso. O cão mais antigo já registrado no mundo pelo livro dos recordes foi um australian cattle-dog chamado Bluey, que viveu na Austrália até os 29 anos e 5 meses.