Cidadãos americanos podem optar por gênero neutro na aplicação para o passaporte

As opções serão Masculino, Feminino e X para quem optar por gênero neutro; medida do governo tem o objetivo de proteger cidadãos transgêneros, compromisso de campanha de Biden.

0
658
Solicitantes de passaporte americano poderão optar por gênero neutro (Foto Pixabay)

A partir desta segunda-feira (11), cidadãos americanos que derem entrada no passaporte poderão optar por gênero neutro (X) e não apenas entre masculino e feminino.

“Todos os cidadãos americanos poderão optar pelo ‘X’ como marca de gênero ao pedir novos passaportes”, afirmou o secretário de estado dos EUA, Antony Blinken, ao anunciar a medida, que é um passo para “cumprir o compromisso assumido pelo presidente [Joe Biden] para expandir o acesso a documentos de identificação precisos para americanos transgêneros e não-binários“, afirmou a Casa Branca, em nota.

A medida foi anunciada no ano passado pelo Departamento de Estado e entrou em vigor agora. A mudança foi motivada por um processo na Justiça do Colorado de uma pessoa que se considera não-binária (que não se identifica nem com o gênero masculino e nem com o feminino) que argumentou que se sentiu excluída do modelo em vigor.

“Nós continuamos a trabalhar em conjunto com o governo federal para tornar a experiência de viajar cada vez mais tranquila e isso inclui a emissão de passaportes para todas as pessoas, independentemente da sua identidade de gênero”, disse o Departamento de Estado em comunicado.

“Nós reafirmamos nosso compromisso de promover e proteger a liberdade, a dignidade e igualdade entre todas as pessoas, incluindo transgêneros, não-binários e em não conformidade de gênero”, ressalta.

O departamento ressaltou que a opção X vai estar disponível em breve em todos os documentos emitidos pelo governo.

Para mais informações, clique aqui.