Circo Ringling Bros anuncia fim depois de 146 anos de atividade

O circo que chegou antes dos automóveis, aviões e filmes, foi obrigado a encerrar os shows

0
4596
Circo Ring Ling Bros encerra suas atividades em maio
Circo Ring Ling Bros encerra suas atividades em maio

Após 146 anos, o circo Ringling Bros. e Barnum & Bailey Circus encerrará suas atividades no mês de maio. O anúncio foi feito na página oficial do circo no sábado (14) por Kenneth Feld, CEO da Feld Entertainment, produtora do lendário Ringling Bros.

“Após muita análise e deliberação, minha família e eu tomamos uma difícil decisão de negócios, encerrar nossas atividades”, informou Feld.

O circo que chegou antes dos automóveis, aviões e filmes, foi obrigado a encerrar os shows devido ao aumento de custos, diminuição da venda de entradas e, sobretudo, depois que foi obrigado a tirar os elefantes de seu espetáculo.

Em 2016 a Feld Entertainment retirou os elefantes, enviando 40 deles para o Centro de Preservação dos Elefantes na Flórida. A venda de tíquetes despencou. Perguntado se o espetáculo seria o mesmo sem os animais, Feld respondeu “Não, não será”.

O Ringling Bros. foi durante décadas um dos maiores circos dos Estados Unidos. Em 1953 o escritor Ernest Hemingway, Prêmio Nobel de Literatura em 1954, escreveu três páginas do programa do circo.

“O circo é o único deleite que você pode comprar com dinheiro. É o único espetáculo, que, enquanto você assiste, dá a qualidade de um verdadeiro sonho feliz”, disse o escritor.

Estão programadas visitas a 30 cidades americanas ainda este ano. O Ringling Bros. e Barnum & Bailey Circus fará sua despedida em 21 de maio, no Nassau Veterans Memorial Coliseum em Uniondale, Nova York.