Corretor de imóveis é preso acusado de matar dois moradores de rua e tentar matar outro em Miami-Dade

Segundo a polícia, corretor é acusado de atirar em um homem que estava dormindo na calçada em dezembro e de tentar matar outro a tiros; ele é acusado de matar morador de rua a facadas

0
1226
WIlly Maceo, de 25 anos, foi preso acusado de crimes contra homeless (Foto Reprodução Facebook)

A polícia de Miami-Dade prendeu o corretor de imóveis, Willy Suarez Maceo, acusado de matar dois moradores de rua e tentar matar outro. As autoridades investigam se Maceo seria responsável por outros crimes do tipo na região.

A polícia chegou até o corretor – que não tem passagem polícia, mas tem registro de problemas mentais – por meio de câmeras de segurança. As imagens mostram o acusado matando a tiros um homem que estava dormindo na calçada em dezembro. No início de dezembro, ele teria atirado em outro morador de rua, que sobreviveu ao ataque.

Em outubro, o acusado teria matado outro morador de rua, mas desta vez, a arma usada para o crime foi uma faca.

Todas as vítimas estavam dormindo na rua no momento do ataque. A motivação para os crimes é um mistério para os investigadores. Eles disseram que Maceo foi mandado por familiares para um hospital psiquiátrico por “estar agindo de maneira estranha em casa”. Ele foi mandado de volta para casa, na época, após ser constatado “que ele não oferecia riscos à sociedade”. (Com informações do Miami Herald).