Delta Air Lines oferece $10 mil para passageiros desistirem de voar em avião superlotado

Situação foi registrada na segunda-feira (27) em um voo que ia de Michigan para Minnesota. "Se eles tiverem o Apple Pay, vão receber o dinheiro agora mesmo", anunciou um comissário de bordo

0
3781
Delta Air Lines tem política de tolerância zero para comportamentos inadequados (foto: Pixabay)

Após vender mais bilhetes do que o número de assentos disponíveis e não ter como acomodar todos os passageiros, a companhia aérea Delta Airlines inovou na forma de resolver o problema. A empresa ofereceu $10 mil para oito voluntários que já estavam dentro do avião abandonarem seus assentos.

A situação foi registrada na segunda-feira (27) em um voo que ia de Michigan para Minnesota. “Se tiverem o Apple Pay, vão receber o dinheiro agora mesmo”, disse um comissário de bordo pelos alto-falantes da aeronave, segundo relatou Jason Aten, colunista da revista Inc. que estava a bordo da aeronave no momento. Ele disse que quatro pessoas de um mesmo grupo que iam pegar uma conexão em Minnesota para o Alasca se manifestaram. Na sequência, outros quatro passageiros fizeram o mesmo.

O presidente-executivo da Delta, Ed Bastian, pediu desculpas esta semana em um post no LinkedIn pelos recorrentes atrasos e cancelamento: “Peço desculpas. Este nível de ruptura e incerteza é inaceitável”, acrescentou. Ele atribuiu o cenário à escassez de trabalhadores associada à alta demanda na venda de passagens aéreas.