Depressão Tropical 5 pode se tornar Danielle, o primeiro furacão da temporada 2022 no Atlântico

Meteorologistas do National Hurricane Center informaram que o fenômeno está bem organizado e pode evoluir para um furacão de categoria 1 até o final de semana; não há definição sobre a rota da tempestade

0
5503
Depressão Tropical 5 está bem organizada e deve ganhar força (Crédito: NHC)

Pela sétima vez desde 1950 o mês de agosto terminou sem que nenhum furacão se formasse no oceano Atlântico, segundo o departamento de meteorologia da Colorado State University. O mês de setembro, entretanto, começou com um clima diferente. Meteorologistas do National Hurricane Center (NHC) informaram na manhã desta quinta-feira (1) que a Depressão Tropical  Five se formou no norte do Atlântico e, provavelmente, se transformará no furacão Danielle, o primeiro da temporada 2022. 

De acordo com o NHC,  Five está bem organizada e se move no sentido norte-leste a uma velocidade de duas milhas por hora com ventos máximos de 35 mph.  Para se tornar um furacão, a força dos ventos deve evoluir para, no mínimo, 90 mph, que, de acordo com os especialistas, tem 80% de chances de ocorrer.

“Espera-se um fortalecimento nos próximos dias, e à medida que entramos no fim de semana, o sistema deve evoluir para o furacão categoria 1: Danielle”, comunicou o NHC na manhã desta quinta-feira. 

O órgão reforçou que ainda é cedo para prever a rota da depressão tropical, mas, até o momento, não há risco para a Flórida, apenas expectativa de que o final de semana do Labor Day seja de muitas pancadas de chuvas isoladas em todo o estado.