DeSantis diz que condados podem exigir uso de máscaras, mas não multar quem não usar

Governador da Flórida enfrenta dura oposição das autoridades locais do estado na gestão da pandemia

0
735
Lei estadual exige o uso de máscaras apenas em lugares públicos (foto: flickr)
Lei estadual exige o uso de máscaras apenas em lugares públicos (foto: flickr)

A posição do governador da Flórida e das autoridades locais do estado em relação às respostas à pandemia de covid-19 estão cada vez mais divergentes.

Mês passado, Ron DeSantis  retirou praticamente todas as restrições a bares e restaurantes, sem discutir a medida com os administradores dos condados. O resultado foi um alto índice de desobediência às regras estaduais.

No condado de Miami-Dade, o prefeito Carlos Gimenez, como DeSantis, um Republicano, disse que era “cedo demais” para suspender as restrições.

“Minha preocupação é que abrir muitas coisas muito rapidamente pode nos levar na direção oposta”, disse Gimenez.  

A medida aprovada pelo governador que autoriza o funcionamento de  bares e restaurantes com capacidade máxima de lotação, por exemplo, não está sendo seguida em Miami-Dade.

O uso de máscaras também se tornou uma verdadeira queda de braços entre os politicos.  De Santis se recusou a emitir um mandato exigindo o uso de máscara em todo o estado, mas apenas em locais públicos.

Como resultado, Miami, Orlando, Tampa e a maioria das outras cidades grandes e médias impuseram suas próprias regas sobre as máscaras. 

O governador reagiu. “Essas leis podem permanecer em vigor, disse “mas as autoridades locais não podem cobrar multas das pessoas que não a cumprirem”.

Para o prefeito de Miami Beach, Dan Gelber, o líder do executivo estadual está tomando uma decisão política diante de uma situação de saúde pública. “Ele está pegando uma página do manual do presidente Trump”, disse Gelber em entrevista ao canal CBS4. “Ele está ouvindo Donald Trump … em oposição a epidemiologistas e especialistas em doenças infecciosas”, continuou.

Gelber disse que enviou uma carta ao governador pedindo-lhe que reconsiderasse sua ordem sobre as exigências de máscaras, mas ainda não obteve resposta. “A máscara é uma das únicas contra-medidas que não impacta a economia”, diz ele. “Então, por que ele enviaria uma mensagem dizendo que você não precisa mais se preocupar em usar a máscara?”

O prefeito de Miami Beach também questionou a decisão de reabrir todas as escolas. “o governador ameaçou retirar fundos dos distritos escolares que não o fizessem” denunciou Gelber.

 Em entrevista a um talk show conservador na semana passada, DeSantis disse que o fechamento das escolas em março foi “um dos maiores erros de saúde pública na história moderna dos Estados Unidos”.