Diretor financeiro da Bed Bath & Beyond, Gustavo Arnal, morre após queda de prédio em New York

Ele morreu após cair de um arranha-céu em Manhattan, disse a polícia

0
6485
A polícia não quis comentar se a morte estava sendo investigada como suspeita e encaminhou perguntas ao Instituto Médico Legal (Foto: lovebscott.com)
A polícia não quis comentar se a morte estava sendo investigada como suspeita e encaminhou perguntas ao Instituto Médico Legal (Foto: lovebscott.com)

O Departamento de Polícia de New York disse em um comunicado que os policiais foram notificados de uma pessoa inconsciente perto de um prédio por volta das 12:30pm, na sexta-feira (2). Os serviços de emergência responderam que o homem morreu no local.

O homem foi posteriormente identificado como Gustavo Arnal, de 52 anos, de New York, diretor financeiro da rede Bed Bath & Beyond.

Nenhuma causa da morte foi anunciada, mas as autoridades disseram que o Gabinete do Médico Legal de New York está investigando a morte e o caso continua em andamento.

A polícia não quis comentar se a morte estava sendo investigada como suspeita e encaminhou perguntas ao Instituto Médico Legal.

Arnal ingressou na Bed Bath & Beyond em maio de 2020, depois de um tempo com a empresa de cosméticos Avon e 20 anos na Proctor & Gamble. Quando Arnal entrou na empresa, o ex-diretor executivo Mark Tritton disse que o conhecimento e a experiência de Arnal “ajudariam a impulsionar a próxima fase de nossa estratégia de crescimento e estabelecer uma base mais eficiente para criar valor para os acionistas”.

A Bed Bath & Beyond ainda não se pronunciou sobre o incidente.

A empresa anunciou em 31 de agosto que estava reduzindo sua força de trabalho em 20% e fechando cerca de 150 lojas em todo o país.