‘Divórcio’ fala sobre a tumultuada separação de um casal do interior paulista

0
1763
Divórcio é uma comédia brasileira
Divórcio é uma comédia brasileira

Separação, briga de casal e dificuldades em um relacionamento são temas bastante explorados pelo cinema, seja na chave do drama ou da comédia. Em muitos casos, as tramas não escapam dos clichês. É esse o caso de Divórcio, filme do diretor Pedro Amorim, que será exibido neste sábado no Regal South Beach, durante o Brazilian Film Festival de Miami.

No longa filmado em Ribeirão Preto, interior paulista, Noeli (Camila Morgado) e Júlio (Murilo Benício) são um casal que enriquece quando inventam o molho de tomate Juno (junção dos prenomes do casal), que se torna um fenômeno de vendas. Com o passar dos anos, já donos de uma grande empresa e com muito dinheiro, eles se distanciam. Um incidente na estrada é a gota d’água para a separação. Enquanto busca o melhor advogado para defender seu patrimônio, o ex-casal se envolve em um processo de divórcio cheio de confusões e momentos hilários.

Apesar de sua formação dramática, a atriz Camila Morgado já está se acostumando com os tipos cômicos que vem interpretando no cinema, como em ‘Até que a Sorte nos Separe 2’e ‘Bem Casados’. “Venho do teatro. Então, nos palcos já fiz muita coisa engraçada. Mas o público, em geral, me viu mais em papéis sérios. Por isso, quando sou chamada para fazer algo completamente diferente, acho muito bacana e desafiador. Justamente para a gente não ficar marcada com um tipo só”, diz ela.

Camila diz que esse trabalho especificamente foi uma “delícia”. Não só por estar ao lado de colegas como Murilo Benício e do próprio Pedro Amorim, mas por ser uma trama que se passa no interior. “É um universo bem distante do meu. Nós ficamos imersos em Ribeirão. Tudo foi feito lá. Não tem estúdio, e isso foi muito importante para a criação dos nossos personagens, para fazer o sotaque que é tão característico e sem cair no caricato.