Elevador despenca 84 andares em Chicago, mas ninguém fica ferido

Seis pessoas estavam no elevador incluindo uma grávida; “Pensei que fosse morrer”, disse um dos ocupantes

0
1607
Seis pessoas foram resgatadas sem maiores ferimentos do elevador
Seis pessoas foram resgatadas sem maiores ferimentos do elevador

Seis pessoas, incluindo uma mulher grávida, sobreviveram a uma queda do 95º para o 11º andar dentro de um elevador em um arranha-céu, o quarto mais alto de Chicago.

Apesar da queda de 84 andares, todas as pessoas sobreviveram. Após o incidente, que ocorreu na sexta-feira (16), elas mandarem mensagens para amigos, que acionaram os serviços de emergência.

As pessoas só conseguiram deixar o elevador depois de três horas, quando os bombeiros abriram um buraco na parede para resgatá-las.

“As pessoas gritaram, rezaram e choraram. Eu achei que íamos morrer”, afirmou Jaime Montemayor, um turista que tinha vindo do México para conhecer a cidade, ao canal CBS 2.

Acredita-se que ao menos um dos cabos que segurava o elevador se rompeu, mas o incidente continua sob investigação, de acordo com a entrevista dada por um funcionário da prefeitura ao jornal Chicago Tribune. O elevador foi inspecionado em julho, e nenhum problema havia sido encontrado. (Com informações da Reuters).