Escritório de advocacia em Pompano Beach oferece bolsas para estudantes brasileiros nos EUA

Castro Legal Group vai dar um total de $1.5 mil por estudante para ajudar no pagamento da mensalidade escolar; é obrigatório que o imigrante seja portador de visto de estudante (F1)

0
2081
Castro Legal Group oferece bolsa de estudos a brasileiros nos EUA (Foto: Divulgação)

O escritório de advocacia Castro Legal Group, localizado em Pompano Beach (FL), criou um programa denominado “Bolsa American Dream” para beneficiar estudantes brasileiros portadores de visto F1 (estudante) e que estejam matriculados em escolas nos Estados Unidos.

Serão sorteadas três bolsas de estudo no valor de $1.5 mil cada. Alunos de faculdades e universidades não serão contemplados pelo programa. As inscrições estão abertas e vão até o dia 30 de junho.

A proprietária do escritório e criadora do programa, a advogada Renata Castro, afirma que decidiu sortear as bolsas para ajudar esses estudantes em momento difícil em tempos de pandemia. “Os portadores de visto de estudante não têm autorização para trabalhar, não foram beneficiados por nenhum programa de ajuda do governo e são obrigados a continuar estudando e pagando a escola para não perder o visto. As regras de distanciamento social e a alta do dólar colocaram estudantes internacionais em situação precária,” disse Renata Castro.

“Os estudantes brasileiros se encontram com dificuldades para fazer os pagamentos das mensalidades, colocando em risco seu status imigratório”, acrescenta.

O sorteio será realizado no dia 2 de julho de forma aleatória. Os pagamentos serão feitos diretamente à instituição de ensino onde o estudante está matriculado.

Para participar

Os candidatos às bolsas devem estar matriculados em uma escola acreditada pelo Student & Exchange Visitor Information Syntem (SEVIS) para um programa de English as a Second Language (ESL); não ter recebido suspensão acadêmica nos últimos 12 meses; ter a I-20 válida pelo menos até outubro de 2020.

É necessário, também, submeter a cópia do histórico escolar da instituição de ensino caso contemplado. Os beneficiários não podem estar solicitando reintegração do status de estudante ao órgão imigratório (USCIS ou qualquer outro com jurisdição na questão).  

O anúncio dos ganhadores será feito após sorteio aleatório. A mera seleção no sorteio não é o suficiente para recebimento da bolsa e é preciso que o sorteado cumpra com os outros critérios descritos.

Parentes diretos (irmãos, pais, cônjuges e filhos) de funcionários do Castro Legal Group e seus fornecedores não são elegíveis a candidatura para recebimento da bolsa.

O registro no sorteio aleatório não constitui estabelecimento de relacionamento advogado-cliente. A emissão da bolsa de estudo não constitui incentivo à contratação do escritório Castro Legal Group.

Candidatos à bolsa não serão contatados para serviços legais, salvo se houver uma solicitação afirmativa do interessado, de acordo com as regras de propaganda disponibilizadas e em vigor pelo Florida Bar. Ser cliente do escritório Castro Legal Group não aumenta a possibilidade de recebimento da bolsa por sorteio.

Para informações e inscrições acesse: https://castrolegalgroup.com/pt-br/bolsa/