Ex-guarda penitenciária da Flórida é acusada de administrar quadrilha de drogas

Mulher já havia cumprido pena pelo mesmo delito entre 2019 e 2020

0
547
Christina Guess trabalhou no Departamento de Correções (Foto: Volusia County Sheriff’s Office)
Christina Guess trabalhou no Departamento de Correções (Foto: Volusia County Sheriff’s Office)

Uma ex-agente penitenciária do estado da Flórida foi presa por dirigir uma rede de tráfico de drogas nos condados de Volusia e Lake, segundo as autoridades. Christina Guess, que já trabalhou como guarda do Departamento de Correções, foi detida junto com seu suposto fornecedor e vários outros membros da quadrilha.

Investigadores do condado de Volusia, que trabalhavam em conjunto com o Federal Bureau of Investigation (FBI), iniciaram sua investigação multijurisdicional sobre a organização de tráfico de drogas em março de 2021. Após meses de vigilância, os policiais conseguiram “infiltrar-se e desmantelar” a rede de tráfico de drogas comandada por Christina e recuperar aproximadamente 1,4 quilo de metanfetamina, 348 gramas de cocaína e 11 pílulas de hidrocodona.

Os agentes disseram que a rede de drogas era responsável por distribuir “quantidades de quilogramas” de metanfetamina nos condados de Volusia e Lake mensalmente. As autoridades disseram que a organização provavelmente traficou até 24 libras de metanfetamina não cortada ao longo de um período de um ano.

“Sabemos que existem muitas outras organizações como essa e/ou maiores “, disse o vice-chefe do condado de Volusia, Brian Henderson. Christina já havia cumprido cerca de um ano na prisão estadual de 2019 a 2020 por uma condenação anterior por tráfico de drogas.