FBI prende casal acusado de fraude de $31.8 milhões em cupons falsos

Em sofisticado esquema, casal da Virgínia falsificava códigos de barra de cupons e vendiam pela internet

0
1945
Cupons falsos eram vendidos pela internet (Foto Divulgação FBI)

O FBI prendeu um casal por criar cupons falsos avaliados em mais de $31 milhões. Os agentes encontraram cupons falsos “em cada canto” da casa de Lori Ann Talens e o marido Pacifico Talens em Virgínia Beach.

Os agentes também acharam cupons prontos para serem impressos no laptop de Lori Ann. Os dois foram condenados a mais de 20 anos de prisão. “Ela era treinada em diferentes técnicas para manipular códigos de barra para fazer com que esses cupons funcionassem”, disse o FBI em comunicado.

O casal criou cupons falsos para centenas de supermercados e lojas e vendia pela internet os bilhetes falsificados. “Ela tinha cupons de $24 de desconto em fraldas que custam $25”.

Os investigadores disseram que os operadores de caixas são instruídos a não questionarem cupons. Se o código de barras passar, o cupom é válido. “Até que a loja identifica a fraude, são necessários alguns dias”.

O casal teria ganhado mais de meio milhão em três anos pela venda dos cupons fraudulentos. Eles reformaram a casa, fizeram viagens e compraram objetos caros, disse o FBI.