Flórida registrou maior número de ataques de tubarão no mundo em 2020

Praias do condado de Volusia, na Flórida Central, encabeçam a lista das mais perigosas para a prática de atividades recreativas como surf, snorkel, esqui aquático

0
1160
10 pessoas morreram en 2020 após serem mordidas por tubarões (foto: pixabay)
Dez pessoas morreram em 2020 após serem mordidas por tubarões (foto: pixabay)

O Museum of Natural History’s International publicou, recentemente, o relatório 2020 de ataques de tubarões em todo o mundo e, mais uma vez, a Flórida encabeçou a lista.

Segundo o levantamento, houve 129 ataques no ano passado, 33 dos quais ocorreram nos EUA, que é o primeiro país do ranking mundial, atrás da Austrália, com 18 casos.

 Além desses dois, nenhum outro país registrou mais de um incidente.

Das 33 mordidas que aconteceram nos EUA, 16 foram na Flórida, sendo oito no condado de Volusia.

Todas as vítimas foram surfistas, pessoas fazendo snorkel, esqui aquático ou atividades similares, nenhum banhista.

Embora os dados possam parecer surpreendentes, os números de ataques de tubarões na Flórida caíram na comparação com 2019, quando foram registradas 64 mordidas. Os analistas não informaram se a pandemia de covid-19 tem alguma relação com a queda dos dados.

No entanto, 2020 foi o ano mais mortal desde 2013, com 10 ataques fatais. Nenhuma das mortes ocorreu nos EUA.