Governador de São Paulo pede desculpas à população por viagem a Miami

João Doria embarcou para a Flórida logo após anunciar que o estado de São Paulo retornaria para a fase vermelha de restrições devido ao aumento de casos de covid-19. A viagem repercutiu negativamente

0
1001
Doria planejava passar o Natal em Miami mas retornou ao Brasil com menos de 24 horas (foto: Wikimedia)

O governador João Doria, de São Paulo, foi às redes sociais nesta quinta-feira (24) para se desculpar pela viagem que fez a Miami para passar o Natal. A vinda do governador à Flórida em meio à várias restrições impostas à população do estado para controlar o aumento dos casos de covid-19 repercutiu negativamente e fez com que ele retornasse ao Brasil antes do planejado.

Em um vídeo postado no Twitter Doria disse reconhecer  “o erro” pela viagem: “Meu pedido de desculpas aos brasileiros de São Paulo. Já de volta em menos de 24 horas, reassumo o governo do estado”, disse.

Doria falou que a viagem foi  organizada para coincidir com as datas de duas conferências que ele iria participar na Flórida e que as passagens foram compradas com recursos próprios.

Segundo ele, “não houve gesto de pouca responsabilidade” e tudo não passou de uma “infeliz coincidência”.

O embarque para Miami foi feito logo após o anúncio de que o estado voltaria para a fase vermelha de restrições durante os dias 25, 26, 27 de dezembro e 1º, 2 e 3 de janeiro, por causa do aumento nos casos de covid-19.

Na quarta-feira (23), SP registrou 10.383 novos casos e 181 óbitos causados pela covid-19 em um único dia, elevando os números da doença no estado em 77% na comparação com o mês de novembro. Em toda a pandemia, já são 45.576 mortes e 1.409.140 casos confirmados de coronavírus no estado.