Governador do Texas quer instalar cercas de arame farpado na fronteira para conter imigrantes

Republicano está usando dinheiro do fundo estadual e vem recebendo críticas, já que Estado corre risco de outro colapso energético no inverno

0
703
Cercas serão instaladas ao longo da fronteira (Foto Flickr Mike Krzeszak)

O governador do Texas, Greg Abbott, anunciou recentemente que vai usar parte do fundo estadual aprovado em setembro para instalar cercas de arame farpado na fronteira do Estado com o México. O fundo aprovado é de $3 bilhões.

Abbott disse à Fox News que está fazendo “todo o possível para conter a imigração ilegal, já que o governo federal não o faz”. Além das cercas, o governador quer finalizar partes do muro iniciado por Trump. Ele também autorizou a instalação de contêineres para formar barreiras em partes rasas do Rio Grande para evitar que os imigrantes atravessem.

“O Texas está investindo $3 bilhões do dinheiro do contribuinte para fazer o trabalho do governo federal. Nós temos agora mais 6.500 agentes na fronteira focados em evitar que imigrantes ilegais atravessem”, disse o governador.

O republicano disse que Biden está encorajando os imigrantes a virem para os Estados Unidos.

Críticas

Críticos da medida de Abbott afirmam que o governador deveria investir o dinheiro dos contribuintes para evitar um colapso energético no inverno, como aconteceu em fevereiro quando mais de 700 texanos morreram em consequência do frio.  “O Texas não está preparado para o frio e o estado não fez o necessário para evitar um colapso no sistema elétrico”, disse o professor Michael Webber, da Universidade do Texas.

Democratas do Congresso escreveram uma carta endereçada ao secretário de Homeland Security, Alejandro Mayorkas, sobre a interferência do Texas.

“Essas operações do governo do Texas contra imigrantes estão interferindo no sistema imigratório federal e violando a Constituição”, escreveram democratas na carta.