Governadores brasileiros enviam carta a Biden pedindo ajuda para preservar Amazônia

Quando ainda era candidato à presidente, Biden falou em impor sanções ao Brasil para obrigar o governo Bolsonaro a se comprometer com metas de preservação

0
1026
Queimadas Amazônia em 2019 (foto: Agência Brasil)

Governadores de 22 estados brasileiros enviaram uma carta ao presidente Joe Biden, propondo uma parceria pela preservação da floresta amazônica. A rede CNN teve acesso ao documento e divulgou um trecho da propposta.

“Celebrando a decisão do seu governo em fortalecer a agenda ambiental internacional e o Acordo de Paris, expressamos nossa intenção de implementar ações conjuntas, propondo a cooperação entre os Estados Unidos e os governos estaduais brasileiros, responsáveis pela maior parte da Floresta Amazônica, a mais extensa floresta tropical do mundo, e de outros biomas que, somados, abrigam a mais ampla biodiversidade já registrada, e que são capazes de regular ciclos hídricos e de carbono em escala planetária”.

A agenda de políticas ambientais de Biden quando ele ainda era candidato previa  criar um fundo de $ 20 bilhões para conter queimadas e preservar a Amazônia. Ele também falou em impor sanções ao Brasil para obrigar o governo Bolsonaro a se comprometer com metas de preservação.

Assinaram o documento os governadores dos seguintes estados brasileiros: Acre, Alagoas, Amazonas, Amapá, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Sergipe, São Paulo, Tocantins.