Governo fecha duas prisões da imigração com histórico de maus tratos a presos

Uma das prisões fechadas fica na Geórgia e diretoria enfrenta acusação de realizar procedimentos ginecológicos não autorizados em presas; a outra unidade fica em Massachusetts

0
1505
Irwin County Detention Center será fechado (Foto Divulgação)

O Departamento de Homeland Security (DHS) encerrou as atividades de dois centros de detenção de imigrantes acusados de maltratar as pessoas detidas.

Na Geórgia, o governo vai encerrar o contrato com o Irwin County Detention Center, que é acusado de realizar procedimentos ginecológicos em presas sem autorização. Em Massachusetts, o centro de detenção para imigrantes localizada em North Dartmouth vai fechar as portas. O local sofre acusações de manter os detidos em condições desumanas.

Os imigrantes presos nesses locais serão transferidos para outros centros de detenção. “Quero deixar uma mensagem clara: não vamos tolerar que indivíduos sejam maltratados e tenham direitos violados sob nossa responsabilidade”, disse o secretário do DHS, Alejandro Mayorkas.

Mayorkas ressaltou que o fechamento desses locais é parte do esforço do governo em melhorar o sistema imigratório nos EUA. Isso inclui libertar presos que cumprem pena por crimes de menor gravidade.

Hoje, o U.S. Immigration and Customs Enforcement (ICE) tem 19 mil imigrantes em suas 200 unidades espalhadas pelos EUA. Segundo o The Washington Post, 73% dos presos não tem passagem pela polícia e a maioria está detida por crimes pequenos, como ser parado no trânsito e não ter carteira de motorista.